Em 1645, a atividade do Sol diminuiu. O ano marcou o início do mínimo de Maunder, uma época de atividade notavelmente baixa das manchas solares. Esse evento coincidiu com a chamada Pequena Idade do Gelo, período de temperaturas excepcionalmente mais baixas em todo o Atlântico Norte que levou a invernos mais rigorosos e verões mais curtos em grande parte da Europa. Ao analisar esses fatores, astrônomos e geólogos concluíram que a relação entre o Sol e a Terra desempenha um papel importante no clima do nosso planeta.

Leia mais

publicidade

Mudanças na atividade do Sol interferem na temperatura da Terra

  • O número de manchas solares varia de 30 mil a 40 mil num período de aproximadamente 22 anos.
  • Mas durante o mínimo de Maunder, no século 17, esses fenômenos simplesmente desapareceram por completo.
  • Os cientistas ainda não sabem ao certo o que causou essa alteração na atividade solar, mas sim que ela se sobrepôs à Pequena Idade do Gelo.
  • Com o Sol menos intenso, as latitudes setentrionais da Terra ficam mais suscetíveis a mudanças de temperaturas.
  • As informações são da Space.com.
Relação entre o Sol e a Terra desempenha um papel importante no clima do nosso planeta (Imagem: solarseven/Shutterstock)

Ciclos de Milankovitch

A primeira pessoa a apontar o efeito do sistema Terra-Sol no clima do planeta foi o físico e astrônomo sérvio Milutin Milankovitch. Na década de 1920, ele descobriu vários ciclos naturais na órbita terrestre que podem ser responsáveis por grandes mudanças climáticas.

O primeiro ciclo natural é que a órbita da Terra muda lentamente de elíptica para circular e volta aproximadamente a cada 100 mil anos. Essas mudanças se devem a leves empurrões gravitacionais de Júpiter e Saturno.

publicidade

Essas mudanças na órbita do nosso planeta influenciam a duração e a magnitude das estações, porque quando a Terra está mais longe do Sol, ela se move mais lentamente do que quando está mais perto do Sol. Portanto, se a Terra estiver no máximo de excentricidade – e se o ponto mais distante da Terra se alinhar com o verão no Hemisfério Norte – o verão desse ano durará mais do que o normal.

Outro ciclo muda a inclinação axial do nosso planeta em 22,1 a 24,5 graus aproximadamente a cada 41.000 anos. A inclinação atual da Terra é de 23,44 graus e está diminuindo. Esse ciclo também afeta a magnitude das estações: mais inclinação significa mais tempo sob luz solar direta ou mais tempo escondido do sol, o que torna a estação mais extrema.

publicidade

Um terceiro ciclo é conhecido como precessão axial. Nosso planeta está girando como um topo a cada 25.700 anos, com o eixo de rotação da Terra desenhando um círculo preguiçoso no céu. Isso muda qual hemisfério recebe mais sol. No momento, a aproximação mais próxima da Terra ao Sol acontece com os verões do Hemisfério Sul, tornando essas estações mais torrenciais.

Esses ciclos se entrelaçam uns aos outros, às vezes se reforçando e às vezes se anulando. Em algumas oportunidades, vários ciclos se somam para criar um grande efeito. Mas não importa o que aconteça, a posição da Terra em relação ao Sol tem uma grande influência no clima do nosso planeta.

publicidade
Aquecimento global pode ter modificado a antiga relação entre o Sol e a Terra (Imagem: Lukasz Pawel Szczepanski/Shutterstock)

Aquecimento global pode alterar a relação Terra-Sol

Comparações dos ciclos de Milankovitch com registros de temperatura obtidos de amostras de núcleo de gelo revelam uma conexão muito estreita entre os fenômenos. Os períodos de glaciação, conhecidos como “eras glaciais”, alinham-se com os períodos dos ciclos de Milankovitch, quando a Terra, especialmente as latitudes do norte, recebem menos luz solar do que o normal, e os períodos quentes se alinham com mais luz solar recebida no Norte.

A última vez que as geleiras recuaram foi há cerca de 12 mil anos, o que coincidiu com um ligeiro aumento na luz solar geral. Tudo o que essa mudança implicou – desde a extinção de muitas espécies, como mamutes-lanosos, até a disseminação da humanidade pelas Américas – veio diretamente da pequena mudança na configuração orbital do nosso planeta.

De acordo com os ciclos de Milankovitch, a Terra deveria estar passando por um período de resfriamento agora, mas as consequências do aquecimento global podem ter modificado essa antiga relação entre o Sol e a Terra.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!