A Waymo, divisão de veículos autônomos da Alphabet (Google), anunciou na sexta-feira (19) que solicitou à Comissão de Serviços Públicos da Califórnia a expansão de seu serviço sem motorista para Los Angeles. Se concedida a autorização, a empresa será uma das primeiras a operar toda sua frota na maior cidade da Califórnia. 

 O que você precisa saber: 

Vídeo relacionado

  • Atualmente, a Waymo possui autorização para rodar com seus robotáxis em São Francisco e em rodovias do Arizona; 
  • A empresa também planeja expandir seu serviço de carona sem motorista para o Texas, onde já realiza testes; 
  • A empresa não forneceu, no entanto, detalhes sobre quando seu serviço será lançado em Los Angeles; 
  • Questionada pela Reuters, a Comissão de Serviços Públicos da Califórnia não quis comentar. Um prazo para resposta da reguladora também não foi divulgado. 

Leia mais! 

No X, a Waymo divulgou a novidade e pontuou que trabalhará com legisladores de Los Angeles, socorristas e organizações comunitárias para lançar seu serviço de carona na cidade. 

publicidade

Em expansão acelerada, vale lembrar que, em outubro do ano passado, a Waymo anunciou que a Uber passaria a oferecer transporte sem motorista aos usuários do aplicativo no Arizona, EUA. As empresas possuem parceria desde maio de 2023, com os robotáxis da companhia integrando o catálogo de veículos da Uber — Phoenix é a primeira cidade onde a Uber implementou publicamente o acesso aos carros da Waymo. 

Sem a Cruise, Waymo tem ainda mais espaço 

Com a crise da Cruise, que teve suas licenças para rodar revogadas após um acidente em São Francisco (EUA), a Waymo tem as estradas livres para conquistar ainda mais espaço no mercado de autônomos. 

publicidade

Atualmente, a rival, subsidiária da GM, enfrenta investigações e uma reestruturação forçada — em notícia mais recente, a companhia paralisou a produção de seus veículos autônomos e demitiu ao menos 900 funcionários (isso após renúncia dos fundadores da empresa e saída de outros nove executivos). Entenda tudo aqui