O fundador da Amazon, Jeff Bezos, vendeu, nos últimos dias, cerca de 12 milhões de ações da Amazon.

De acordo com o The Wall Street Journal, as informações foram divulgadas pela SEC (a CVM dos EUA).

publicidade

Leia mais:

Ações renderam bilhões de dólares a Bezos

  • Ainda de acordo com a SEC, as ações vendidas renderam US$ 2,08 bilhões (R$ 10,30 bilhões, em conversão direta);
  • Cada ação foi vendida a US$ 173,30 (R$ 858,46);
  • Apesar da quantidade significativa de ações vendidas, o fundador de Amazon e Blue Origin segue como o principal acionista da companhia, criada em 1994.

Nvidia fica à frente da Amazon em valor de mercado

O boom da inteligência artificial está tendo consequências na hierarquia das big techs, com a Nvidia superando brevemente a Amazon em capitalização de mercado na segunda-feira, 12 de fevereiro. Os resultados momentâneos catapultam a fabricante de chips para a quarta empresa mais valiosa dos Estados Unidos. O acontecimento já era esperado por Wall Street.

publicidade

Em seu recorde de US$ 734,96, a Nvidia passou a ter US$ 1,82 trilhão de valor de mercado, em comparação com US$ 1,81 trilhão da gigante do varejo Amazon.com e alguns bilhões de distância do Google, controlado pela Alphabet, que foi avaliado em US$ 1,87 trilhão, de acordo com dados da LSEG.

A última vez que a Nvidia foi mais valiosa do que a Amazon foi em 2002, quando cada uma valia menos de US$ 6 bilhões.

publicidade

Após as vendas do trimestre de férias da Amazon superarem as expectativas no mês passado, os investidores estão de olho nos resultados trimestrais da Nvidia em 21 de fevereiro, a última das grandes empresas a relatar nesta temporada de resultados.

Leia a matéria completa aqui