Todas as agências federais dos EUA estão a partir de agora passando a ser obrigadas a ter um profissional sênior que supervisione todos os sistemas de IA que utilizam. A medida é feita pelo governo americano para garantir que a utilização da IA no serviço público permanece segura. As informações são do The Verge.

Leia mais:

A vice-presidente Kamala Harris anunciou a nova orientação do Escritório de Gestão e Orçamento (OMB) em uma coletiva com repórteres. Ela ainda revelou que as agências também devem estabelecer conselhos de governança de IA para coordenar como a inteligência artificial é usada dentro da agência.

Imagem: Pixels Hunter/ Shutterstock

Outra determinação prevê que as agências apresentem um relatório anual ao OMB, que vai listar todos os sistemas de IA que utilizam, quaisquer riscos associados a estes e como planejam mitigar esses riscos.

publicidade

“Instruímos todas as agências federais a designarem um diretor de IA com experiência, conhecimento e autoridade para supervisionar todas as tecnologias de IA usadas por essa agência, e isso é para garantir que a IA seja usada de forma responsável”, disse a vice-presidente dos Estados Unidos para a imprensa.

O diretor de IA das agências federais não precisa ser necessariamente nomeado politicamente, embora isso dependa da estrutura da agência federal. Os conselhos de governança devem ser criados até o próximo verão estadunidense.

Governo americano vem ampliando normas para uso da IA em órgãos públicos

  • A mais recente orientação do governo para as agências é parte de uma política que já havia sido anteriormente delineada na ordem executiva de IA da administração Biden.
  • A ordem executiva exigia que os escritórios federais criassem padrões de segurança e aumentassem o número de especialistas de inteligência artificial trabalhando no governo.
  • Algumas agências começaram a contratar diretores e supervisores antes mesmo do anúncio de hoje.
  • O Departamento de Justiça anunciou Jonathan Mayer como seu primeiro diretor de IA em fevereiro. Ele liderará uma equipe de especialistas em segurança cibernética para descobrir como usar a IA na aplicação da lei.

O governo dos EUA planeja contratar 100 profissionais de IA até o verão, conforme a presidente do OMB, Shalanda Young. Ainda diante da nova orientação, quaisquer modelos, códigos e dados de IA de propriedade do governo devem ser divulgados ao público, a menos que representem um risco para as operações governamentais.

Imagem: Pixels Hunter / Shutterstock.com