Um debate que ainda deve se estender por muito tempo é se os veículos de direção autônoma são mais seguros do que os conduzidos por um motorista humano. Para elucidar o tema, um estudo respondeu em quais casos o carro autônomo é mais seguro ou mais perigoso.

A pesquisa foi publicada na Nature Communications e os especialistas analisaram dados de acidentes automobilísticos na Califórnia (EUA) ao longo dos anos de 2016 a 2022, comparando a segurança de veículos autônomos com a de operados por humanos.

publicidade

Nos últimos anos, os acidentes envolvendo veículos autônomos têm sido amplamente divulgados pelos meios de comunicação social, dando a impressão de que tais veículos podem ser inseguros ou menos seguros do que os veículos conduzidos por seres humanos.

publicidade
carros autônomos
Ceticismo acerca da segurança dos carros autônomos ainda é grande (Imagem: Gorodenkoff/Shutterstock)

Os pesquisadores analisaram dados de acidentes de 2,1 mil veículos autônomos e 35,11 mil movidos por humanos, e compararam as taxas de acidentes em diferentes cenários.

A Califórnia é conhecida como o Estado dos EUA que permitiu que milhares de carros autônomos circulassem livremente nas vias públicas durante vários anos, mas apenas se fossem autorizados pelas fabricantes.

publicidade

Cenários em que o carro conduzido por humano é mais seguro que o autônomo

  • Conforme o g1, os pesquisadores descobriram que o automóvel autônomo só é mais perigoso em duas situações: ao amanhecer/anoitecer e nas curvas;
  • Condições de pouca luz, como o pôr ou o nascer do Sol, pareciam confundir os sensores dos veículos autônomos;
  • O mesmo aconteceu com as condições complicadas que podem surgir durante trajetos com curvas.

Os investigadores sugerem que destacar os pontos fracos dos carros autônomos deve levar a esforços das fabricantes para resolver os problemas, tornando-os, em última análise, mais seguros.

Também foi observado na pesquisa que, à medida que a tecnologia amadurece, tal como aconteceu com os veículos conduzidos por seres humanos, os veículos também se tornarão mais seguros.

publicidade

Eles sugerem que são necessários mais estudos para garantir melhorias contínuas nos automóveis de condução autônoma, especialmente considerando que a maioria das grandes fabricantes têm planos de eliminar gradualmente os de condução humana nos próximos anos.

Veículo autônomo
Acidentes de carros autônomos foram revisados em novo estudo (Imagem: Gorodenkoff/Shutterstock)