A BMW anunciou que se tornou a primeira montadora do mundo aprovada para uma combinação de assistência de direção Nível 2 e 3.

Na prática, os carros poderão mudar de faixas, fazer ultrapassagens e até ajustar a velocidade em estradas e no trânsito durante longos períodos, sem que os motoristas tenham que intervir. A direção autônoma, no entanto, não significa que os condutores possam deixar o volante.

Vídeo relacionado

Leia mais:

BMW terá direção autônoma níveis 2 e 3

  • Os “níveis” da assistência de direção caracterizam a autonomia do veículo em relação ao motorista (o Olhar Digital já explicou cada uma deles neste link);
  • O Nível 2 refere-se à automação parcial, em que o veículo controla o volante e pedais, e roda alguns quilômetros sem interferência do condutor. Esse sistema já está disponível em modelos da Tesla com o Autopilot, por exemplo;
  • Já o Nível 3 dá autonomia maior ao veículo, podendo detectar as situações do trânsito e tomar decisões;
  • No caso da BMW, os modelos terão direção autônoma níveis 2 e 3 combinadas para tirar o melhor das potencialidades da tecnologia.

publicidade
BWM direção autônoma
Direção autonôma da BMW não dispensa motorista no volante (Imagem: Divulgação/BMW)

Motorista da BMW não pode sair detrás do volante

Segundo a empresa, a direção autônoma aumenta o conforto das viagens a longa distância, tomando o controle em velocidades até 130 km/h.

O Nível 2 pode ser usado em estradas durante longos períodos, em que o motorista pode relaxar atrás do volante, mas sem deixar de prestar atenção. A BMW também vai permitir a mudança de faixas, ultrapassagem e ajuste de velocidade – basta que o proprietário faça um sinal visual ao retrovisor exterior para permitir.

publicidade

Já o Nível 3 avança o que a direção autônoma dos carros pode fazer. Ele permite que os motoristas não só tirem as mãos do volante, mas também se distraiam por breves períodos e deixam a direção a cargo do veículo.

No entanto, esse modo de condução entra em ação em velocidades de até 60 km/h. Em situações de trânsito, por exemplo, é possível ativá-lo e deixar que o carro dirija enquanto você mexe no celular ou descansa.

publicidade

A montadora lembrou que, em ambos os casos, o condutor deve estar atento caso precise retomar o controle.

Disponibilidade da direção autônoma será limitada à Alemanha (Imagem: Tobias Arhelger/Shutterstock)

Direção autônoma ainda não chegará ao Brasil

Por ora, o sistema combinado de direção autônoma da BMW estará disponível apenas na Alemanha. Os interessados podem incluí-lo como uma personalização a partir de agosto, por 6 mil euros (cerca de R$ 35 mil).