Um dos softwares mais básicos e úteis do Windows 11 vem recebendo atualizações bastante interessantes nos últimos tempos, e a mais recente novidade vai torná-lo ainda mais conveniente: o Bloco de notas agora tem revisor e autocorretor de texto.

Lançado originalmente em 1983, o Bloco de notas não mudou muito nas suas primeiras quatro décadas, mas as coisas agora estão um pouco diferentes. A Microsoft adicionou recursos bastante convenientes, como a possibilidade de abrir diversos arquivos de texto em abas, além de um modo escuro.

publicidade

Mas agora as coisas ficaram ainda mais interessantes. Após começar a testar recursos de revisão de texto em março, a Microsoft já está liberando as novidades para usuários do Windows 11.

Leia mais:

publicidade

O que tem de novo no Bloco de notas

A revisão e autocorreção de texto funcionam exatamente do jeito que você espera: conforme o usuário digita, o aplicativo destaca erros com uma linha vermelha abaixo da palavra. Clique com o botão esquerdo do mouse para checar sugestões de correções. E, ao detectar erros claros de digitação, o Bloco de notas também substitui automaticamente a palavra errada pela escrita correta.

Os recursos são ativados por padrão após o usuário instalar a atualização do Windows, mas é possível remover, caso não seja do seu interesse. Nesse caso, é só clicar no botão de engrenagem no canto superior direito da tela do Bloco de notas e desmarcar as opções de ortografia nas configurações do aplicativo.

publicidade

Ainda é possível deixar a verificação ortográfica ativada para diferentes tipos de arquivo, como os tradicionais .txt, ou .md, ;srt, .lrc ou .lic que também são compatíveis com o software.

Com a novidade, o Bloco de notas ganha ainda mais atratividade e conveniência. Sendo um aplicativo leve e eficiente, contar com verificação ortográfica certamente ajudará muita gente que gosta de usar um app básico para digitar seus textos.