Conversar com a IA pode ser uma experiência positiva, facilitar a vida, encantar algumas pessoas ou pode não surtir o efeito desejado ou encontrar a resposta que desejava. Para melhorar a interação, fazer um prompt de comando eficiente para usar no ChatGPT ou em outras IAs pode mudar totalmente essa experiência não tão satisfatória.

À primeira vista, pode parecer simples iniciar a conversa, afinal, com uma mensagem de texto você já consegue uma resposta no ChatGPT, por exemplo. Mas para conseguir ‘a’ resposta que você quer ou até com muito mais precisão, é importante usar algumas dicas.

publicidade

Leia também:

chatgpt
Imagem: Alex Photo Stock/Shutterstock

Como fazer um prompt para ChatGPT e outras IAs?

Para criar um prompt eficaz para interagir com ChatGPT ou outras IAs, aqui estão algumas diretrizes e exemplos que podem ajudar:

publicidade

Seja específico

A escolha do tópico de pesquisa deve ser feita com clareza. Determine claramente o que você deseja saber, discutir ou explorar. Evite frases genéricas ou vagas que possam confundir o modelo de linguagem e dessa forma gerar respostas imprecisas.

Ser específico em uma conversa com o ChatGPT pode ajudar a obter respostas mais precisas e úteis. Explique brevemente a situação ou o tema sobre o qual você quer falar. Quanto mais contexto você der, melhor. Por exemplo, em vez de perguntar: “O que é Python?”, você pode perguntar “O que é a linguagem de programação Python e como ela é usada no desenvolvimento web?”.

publicidade

Tente formular suas perguntas de maneira clara e direta, sem ambiguidades. Perguntar “Quais são os principais benefícios de usar a metodologia ágil em projetos de software?” é mais específico do que “Quais são os benefícios da metodologia ágil?”.

Especifique até o nível de detalhe, indicando se você quer uma resposta mais básica ou mais aprofundada. Dessa forma: “Pode me explicar brevemente como funciona a blockchain?” ou “Pode me explicar detalhadamente como funciona a tecnologia blockchain e seus principais componentes?”.

publicidade

Fornecer exemplos ou restringir a pergunta pode ajudar a direcionar a resposta. Ou então, se estiver em dúvida entre duas opções, peça uma comparação direta: “Qual é a diferença entre um desenvolvedor full stack e um desenvolvedor front-end?” em vez de “O que faz um desenvolvedor full stack?”.

captura de tela ChatGPT

Use linguagem natural

Os prompts devem ser redigidos de maneira natural, como se estivesse conversando com alguém. Assim, o ChatGPT entenderá o contexto com mais precisão e fornecerá respostas mais adequadas e fluídas. Evite usar abreviações, linguagem técnica ou jargões.

Além disso, mantenha a consistência nos prompts. Escreva sempre da mesma forma, mantenha a mesma linha e a linguagem em todos os momentos da conversa. Isso vau garantir que o modelo de linguagem receba sempre informações claras e precisas sobre o contexto da conversa.

Use o conselho do próprio ChatGPT: a variação de prompts

Para obter respostas mais precisas e relevantes, é crucial usar diferentes tipos de prompts em vários contextos e situações. Usar o prompt de comando adequado ajuda o ChatGPT a se adaptar a uma ampla gama de conversas e a produzir respostas mais eficazes, conforme sugerido pelo próprio modelo.

A partir das respostas geradas, ajuste os prompts conforme necessário para melhorar a precisão e relevância das respostas. Assim como um diálogo real, a conversa deve seguir um tom, manter a coerência e procurar ajustar a linguagem ao seu interlocutor.

Evite erros como:

Ambiguidade: formular perguntas ou solicitações que não são claras ou específicas o suficiente pode levar a respostas inadequadas. Evite também termos técnicos complexos, a menos que seja essencial.

  • Exemplo ruim: “Fale sobre o futuro.”
  • Melhor: “Quais são as principais tendências esperadas na tecnologia de inteligência artificial nos próximos cinco anos?”

Complexidade desnecessária: evitar o uso excessivo de jargões, termos técnicos complicados ou linguagem muito formal que possa confundir o modelo.

  • Exemplo ruim: “Explique a implementação de redes neurais convolucionais em aplicações de visão computacional.”
  • Melhor: “Como as redes neurais convolucionais são usadas para melhorar a precisão da identificação de objetos em imagens?”

Perguntas vagas ou gerais: não ser específico o suficiente no prompt de comando para o ChatGPT sobre o que você deseja saber pode resultar em respostas genéricas ou pouco informativas.

  • Exemplo ruim: “O que você acha sobre inteligência artificial?”
  • Melhor: “Como a inteligência artificial está sendo aplicada para melhorar a eficiência na gestão de estoques em empresas?”

Solicitações excessivamente longas: evitar prompts muito extensos ou complexos que possam dificultar a compreensão direta da pergunta ou solicitação. Para estimular a discussão, formule perguntas que possam levar a respostas detalhadas e insights interessantes, mas não com prompts longos.

Personalize o ChatGPT

Captura de tela no app ChatGPT como prompt de comando para chatgpt

Personalizar suas interações com o ChatGPT pode melhorar significativamente a relevância e a utilidade das respostas que você recebe.

Além de você não precisar começar do zero a cada vez que iniciar uma conversa, retomando uma conversa anterior do ponto onde parou, acessando um histórico salvo de temas e conversas, você pode personalizar a IA com informações que considera interessantes.

O ChatGPT possui uma tela de instruções  que você pode seguir e  personalizar a IA. É só abrir o ChatGPT na web ou no app do celular, selecionar a sua foto de perfil, clicar em “Personalizar ChatGPT”, preecher o campo de texto e salvar

O próprio ChatGPT sugere alguns temas que podem ser usados sobre você. Siga as sugestões ou (sendo específico!) defina o que é importante que ele saiba sobre sua vida, seu trabalho e temas relevantes que possam te ajudar na interação.

Captura de tela no app ChatGPT com prompt de comando