Carros e Tecnologia

tesla model 3

Empresa lança carro que usa celular do dono como chave

Gustavo Sumares, editado por Leonardo Pereira 31/07/2017 09h45
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Não seria melhor se você pudesse usar o celular para destravar e ligar seu carro, em vez de precisar levar uma chave separada no bolso? Essa foi uma das ideias que a Tesla, empresa estadunidense que produz carros elétricos, incorporou ao Model 3, seu lançamento mais recente.


Em vez das chaves tradicionais, o Tesla Model 3 usa um aplicativo de celular para todas as funções tradicionais: abrir a porta, ativar o alarme, dar a partida etc. Isso é possível porque o carro se comunica com o celular usando o protocolo Bluetooth LE. Esse "LE" significa "Low Energy" (baixa energia), e por isso o sistema funciona sem drenar demais a bateria do celular - ou do carro. 

Reservas

Mas e se o dono do carro esquecer o celular, ou for roubado? Nesse caso, ele ainda poderá acessar o veículo. Isso porque o Model 3 vem também com dois cartões que funcionam como chaves-reserva. Eles têm aproximadamente o tamanho de um cartão de crédito, de acordo com o TechCrunch, e conseguem substituir o aplicativo em todas essas funções.

Os cartões são úteis não apenas como chaves-reserva, mas também em algumas situações. Por exemplo, se o motorista deixar o carro com um manobrista, precisará deixar um dos cartões para que ele possa abrir e ligar o automóvel sem precisar do celular do dono. Assim, a ideia é que um dos cartões fique no carro e o outro fique na casa do dono, funcionando de fato como chave reserva.

Um assaltante que levasse o celular do dono do carro, por outro lado, dificilmente conseguiria roubar o veículo também. Isso, primeiramente, porque o aplicativo exige que o celular do usuário esteja destravado para funcionar. Mas, além disso, o TechCrunch ressalta que o aplicativo faz uma verificação de identidade do usuário antes de permitir a liberação do veículo.

Outros recursos

A Tesla já tem algum renome no exterior por causa de seus carros elétricos inteligentes. Além de não gastar combustível, eles também possuem uma série de recursos de direção inteligente que facilitam a vida do motorista e são capazes até mesmo de "prever" acidentes. A empresa também esteve no noticiário recentemente por promover o primeiro "recall virtual" da história da indústria automotiva.

Pode parecer que esses recursos sejam apenas curiosidades de carros caros. De fato, o Model 3 começa em US$ 35 mil (R$ 109 mil, na conversão direta) e só pode ser reservado diretamente do site da montadora. Mas o fato é que esses recursos podem salvar vidas. Um levantamento da agência reguladora de trânsito dos EUA revelou que, depois que os carros da empresa receberam um recurso que permite que eles se dirijam sozinhos em algumas condições, o número de acidentes com eles caiu cerca de 40%.

Por outro lado, de vez em quando eles ainda deixam seus donos em algumas enrascadas.

Automóveis transporte Carro elétrico Carros conectados carros autônomos
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você