Publicidade, propaganda, marketing, ad
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Mobile marketing: o que vem por aí em 2019

Marcus Imaizumi 10/12/2018 22h00

O mobile marketing já faz parte da vida dos maiores e principais anunciantes do país e vem recebendo cada vez mais investimentos.

Nos artigos dos últimos meses traçamos um overview e mostramos o grande potencial e como já vem crescendo, bem como chamando a atenção do mercado, a nova forma de se fazer publicidade no Brasil e América Latina como um todo. O mobile marketing já faz parte da vida dos maiores e principais anunciantes do país. Do ano passado para cá, vem recebendo cada vez mais investimentos e se tornando a “menina dos olhos” do segmento publicitário – ainda mais a partir desse ano, quando despertou a atenção de setores importantes como varejo e financeiro.  

Assim como a tecnologia, o mobile marketing também não para de evoluir. Novas ferramentas e plataformas surgem a todo instante. Por isso, gostaria de dedicar este artigo para apontar duas das principais tendências neste mercado no ano que está por vir. Afinal de contas, 2019 já bate à nossa porta.

Se 2018 foi marcado pela consolidação do marketing digital, principalmente do mobile marketing, 2019 promete trazer ótimas novidades neste setor. Mais aplicação de Inteligência Artificial e o Mobile vídeo estão entre elas, Cada vez mais os anunciantes passarão a buscar por soluções de aquisição e retenção de usuários mobile que tenham um approach holístico de todo o funil de conversão de um usuário mobile, desde o primeiro impacto de mídia, até o retargeting para promover maior engajamento e aumento de transações de usuários existentes. 

Precificação

Desde o início da indústria de publicidade de desempenho móvel, tem havido uma evolução gradual dos modelos de preços e, consequentemente, as expectativas dos anunciantes. Durante muito tempo, o CPI foi o modelo de precificação escolhido, com instalações sendo a meta principal, mas nos últimos anos a tendência evoluiu de otimização LTV para um modelo de precificação CPA - 2019 mostrará mais desenvolvimento nessa direção, com os anunciantes querendo cada vez mais veja ações, não apenas instalações.  

Mobile Video

Especificamente sobre o Mobile Video, trata-se de um dos formatos de anúncio mais promissores para 2019, dados seu alto impacto e taxa de conversão que entrega. Um fato, em específico, contribui fortemente para isso. Cada vez mais os smartphones se tornam a primeira tela, o que torna ainda maior a chance de as marcas conseguirem captar a atenção dos clientes via vídeo. Soma-se a isso a vantagem de, por exemplo, ter a plataforma mobile como aliada para conseguir redirecionar de forma imediata o usuário para um site ou app, aumentando assim as chances de conversão. Mas para isso, a recomendação é que siga algumas características, dentre elas adotar o formato de anúncios curtos – entre 16 e 20 segundos – pois comprovadamente proporcionam melhores taxas de conversão, ser exibido de maneira imersiva e em formato vertical, garantindo assim mais aderência na visualização do anúncio.

O segmento de mobile vídeo deve chegar à marca de US$ 13 bilhões em 2020. Além disso, a expectativa do mercado é de que nos próximos meses, o inventário de vídeos em aplicativo cresça vertiginosamente. Isso já ocorre em países como EUA e China e o Brasil, assim como a América Latina, deve acompanhar esse movimento a partir de 2019.

 Inteligência Artificial

Assim como em empresas e indústrias de vários ramos, a Inteligência Artificial também começou a ser parte integrante na plataforma de mobile marketing. Introduzida neste mercado a partir desse ano, em 2019 tende a ter seu status de importância promovido e estar cada vez mais na agenda do profissional de publicidade móvel. Estudos mostram que a IA vai revolucionar completamente o marketing até 2020.

Muito disso pelo fato de permitir uma abordagem cada vez mais personalizada e aqui não falamos em personalização por grupos, mas sim, por indivíduos, algo jamais visto nesta área. Ou seja, por meio da identificação de comportamentos e preferências de cada um dos seus clientes usuários do dispositivo móvel. O sistema de Inteligência Artificial terá plena capacidade de reconhecer e recolher dados em campos como psicológico, demográfico e até mesmo, comportamental.

O que isso significa?

Significa muita coisa já que estas informações serão fundamentais no momento de elaborar uma estratégia de marketing tendo em vista estimular ações específicas para cada cliente e em tempo real, na medida em que a ferramenta vai coletar e passar ao profissional de marketing qual é exatamente o desejo daquele usuário, na sua mais profunda peculiaridade. Um tiro certeiro.

Mais do que isso, por meio dos sinais que o próprio cliente emite e que até então eram quase que totalmente ignorados pelos anunciantes, a Inteligência Artificial conseguirá prever com precisão as mudanças de comportamento dos seus clientes e com isso, antecipar suas necessidades para então oferecer a solução mais efetiva.

Empresas como a Amazon e a Netflix já estão aproveitando o aprendizado de máquina para comercializar para clientes específicos. Uma dessas técnicas de aprendizado de máquina é chamada otimização dinâmica de criativos. Seus algoritmos produzem anúncios com maior probabilidade de interagir positivamente com um indivíduo específico. Esses anúncios para celular são personalizados de acordo com interações, informações demográficas e locais anteriores. Se você quiser, eles podem até ser personalizados de acordo com o clima.

A IA está alimentando cada vez mais aplicativos móveis porque seus algoritmos podem fazer muito mais. Basta verificar o Assistente de iPhone da Kraft Foods. Usando AI, oferece muitas receitas saborosas com base nas sobras que você recebeu de refeições anteriores. Também pode criar listas de compras incríveis de acordo com seu orçamento e preferências alimentares.

Esses são apenas alguns exemplos de como o mobile marketing vem se aliando às novas tecnologias e às que tem imergido para criar atalhos que aperfeiçoem, tornem mais assertivo e, consequentemente, tragam melhor performance e resultados de conversão nos anúncios em apps. Como dito anteriormente a onda do mobile marketing é bem recente, só está começando, mas tem crescido e tende a evoluir cada vez mais.

Que venha 2019 e feliz mobile marketing novo.

Publicidade online marketing digital
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você