Anonymous ensina internautas a hackear para enfrentar o Estado Islâmico

Na intenção de ampliar os esforços em sua guerra contra o Estado Islâmico, o Anonymous resolveu dar poderes a internautas comuns interessados em se envolver na história. O grupo publicou uma série de tutoriais com truques que ajudam a identificar e hackear alvos.

Os guias foram postados no canal do IRC usado pelo Anonymous para compartilhar informações a respeito da OpParis - como vem sendo chamada a operação contra o EI. Um deles é chamado “NoobGuide” e permite que qualquer um aprenda a hackear. Outro, “Reporter”, explica como configurar um bot para Twitter capaz de descobrir contas relacionadas ao EI. E também há o “Searcher”, contando como encontrar sites relacionados aos terroristas.

Em mensagem repercutida pelo International Business Times, o coletivo hacker convoca quem acompanha as discussões no IRC a tomar alguma atitude “em vez de ficar sentado (...) sem fazer nada”. “Sua contribuição significa muito e nós o encorajamos a participar em todas as atividades da operação que você puder, quanto mais, melhor”, comentam.

O Anonymous afirma ter derrubado mais de 5,5 mil contas no Twitter relacionadas ao EI e começou a divulgar informações de pessoas supostamente ligadas ao grupo terrorista, mas há certa desconfiança sobre as ações pela falta de comprovação de que eles atingiram os alvos certos. O próprio EI desacredita do potencial do coletivo, a quem chamou de “idiotas”.

É importante ressaltar que este texto não tem qualquer intenção de incentivar alguém a se envolver com isso. Cabe ao Olhar Digital apenas informar sobre o que está acontecendo.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ