Segurança

Apple Watch

Apple Watch está banido de reuniões do governo do Reino Unido

Juliana Américo 11/10/2016 13h32
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Se um computador ou smartphone pode ser facilmente hackeado, os relógios inteligentes também correm esse risco. Por conta disso, o governo do Reino Unido está impedindo que políticos entrem em reuniões oficiais usando o Apple Watch.


A nova regra é uma extensão da política do governo já estabelecida que proíbe smartphones de reuniões do gabinete. A principal preocupação é de que hackers estrangeiros, em especial os russos, utilizem os dispositivos móveis para conseguir informações confidenciais.

Embora ainda não tenham sido divulgados incidentes em que hackers tenham ultrapassado as barreiras de segurança do governo via smartwatch, em teoria, tal possibilidade não é estranha.
O relógio da Apple geralmente depende do iPhone para garantir sua conexão à internet; mas se o celular está fora de alcance ou desligado, você ainda pode usar o smartwatch com redes Wi-Fi que já estiverem conectados ao seu iPhone.

Neste caso, ainda é possível receber e-mails e chamadas telefônicas. O relógio da Apple ainda conta com um microfone, que, em combinação com uma conexão Wi-Fi, poderia apresentar uma oportunidade de hackers. 

Via Mashable

Segurança Hackers Apple Governo espionagem apple watch
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você