Beta do Chrome para Android e macOS ganha suporte a impressões digitais

O Google fará algumas mudanças de segurança interessantes na próxima versão do Chrome. Na última versão beta do browser, a 70, o programa ganhou suporte a leitores de impressões digitais no Android e no macOS, se aproveitando do recurso já presente na maioria dos smartphones com o sistema e também no últimos MacBook Pro. 

A ideia é permitir que sites possam aceitar autenticação por digital, como já fazem alguns apps. Assim, em vez de ter que digitar a senha toda vez que for acessar um serviço ou fazer um compra online, o usuário só vai precisar encostar o dedo no leitor.

Ainda não há informações relacionadas ao Windows e ao iOS — e nesse último caso, com o fim do TouchID, é provável que não tenhamos mesmo.

O suporte à funcionalidade por meio da API Web Authentication não é a única novidade na próxima versão do browser, claro. O Google continua sua cruzada contra os sites que não são seguros. Enquanto o Chrome 69 já não traz mais o ícone de “Seguro” ao lado do endereço da página, o 70 vai começar emitir um alerta piscante sempre que o usuário começar a digitar alguma informação em um site sem HTTPS. O GIF abaixo (vita 9to5Google) mostra como funciona:

Fora isso, a versão beta do navegador para Windows 10 finalmente traz suporte a Web Bluetooth, para se comunicar com dispositivos próximos com mais segurança. O recurso já está ativo no browser para Chrome, macOS e Chrome OS desde o Chrome 56. E para desenvolvedores, as novidades são o suporte ao conjunto de APIs de Shape Detection, para identificar rostos, códigos de barras e textos em imagens na web.

É sempre bom lembrar que essas novidades estão em fase de testes e podem não estar presentes na versão final do Chrome 70, que chega só em outubro.

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ