Criminosos estariam fingindo ser da Apple e ligando para usuários

Na última semana, um grupo hackers chamado Turkish Crime Family afirmou que teria milhões de logins e senhas de contas da Apple e pediram à empresa que pagasse um resgate até o dia 7 de abril. Caso contrário, os dispositivos seriam "limpos" de todas as informações.

De acordo com o site MacWorld, os criminosos estariam fazendo dezenas de chamadas aos donos de dispositivos iOS afirmando que suas contas teriam sido hackeadas e solicitando que informem suas credenciais. Eles estariam usando a notícia que plantaram para ganhar alguma credibilidade e conseguir cruzar dados.

"Na segunda-feira, minha esposa me contou que o suporte da Apple ligou para ela para conversar sobre a segurança do iCloud. Ela ficou desconfiada, e com razão. Em seguida, eles ligaram mais cinco vezes", afirma Glenn Fleishmann, redator do site. "Não era a Apple e sim os fraudadores tentando criar conexões com a violação."

É imporante lembrar que, caso suspeite de alguma violação, o usuário deve alterar sua senha manualmente. Além disso, ativar medidas de segurança como a autenticação em duas etapas pode ajudar.

[Ubergizmo]

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ