Criminosos usam método "submarino" para roubar dados de cartões de crédito

Pesquisadores da Krebs Security descobriram recentemente uma nova maneira usada por criminosos para roubar informações de cartões de crédito dos usuários. De acordo com a empresa, as quadrilhas estão usando skimmers, conhecidos no Brasil como "chupa-cabras", nos caixas eletrônicos, cada vez mais potentes. Dessa vez, são usados equipamentos que funcionam como submarinos, espionando o usuário.

Em uma ação descoberta em caixas em Connecticut e na Pensilvânia, nos Estados Unidos, os criminosos usaram uma espécie de "sonda" com bateria e uma unidade de armazenamento, capaz de copiar informações dos cartões e com energia o suficiente para funcionar por 14 dias e armazenar até 32 mil números de vítimas. Na maior parte dos casos, o usuário sequer suspeita que está correndo risco.
O skimmer não é capaz de coletar PINs dos clientes dos bancos, por isso a Krebs suspeita que o equipamento está sendo testado para roubos maiores de informações no futuro.

Como evitar problemas?

  • Colocar a mão sobre o teclado numérico do caixa pode contribuir para reduzir as chances de cair em golpes. Especialistas afirmam que o uso de botões falsos é relativamente raro, já que o hardware é caro para se produzir.
  • É bom evitar caixas eletrônicos onde a estrutura é facilmente retirável. A empresa de segurança indica que as pesoas usem caixas montados na parede e que fiquem em áreas bem iluminadas.

Via Engadget 

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ