Reconhecimento de imagem

Empresa brasileira fecha contrato para oferecer soluções de biometria para os EUA

Rene Ribeiro 04/02/2019 07h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

A suíte completa de identificação biométrica chama-se GBS (Griaule Biometric Suite) e, além de reconhecimento de impressões digitais, também trabalha com reconhecimento de face, íris e voz.

Uma solução brasileira de identificação digital foi escolhida pelo Departamento de Administração do Estado do Arizona, nos EUA, para gerenciar toda a base de dados biométrica dos habitantes dessa região, que conta com mais de 5 milhões de pessoas. A empresa vencedora da licitação chama-se Griaule e está sediada na cidade de Campinas (SP). O valor do negócio é estimado em US$ 7,5 milhões ao longo de 5 anos.


O contrato tem abrangência estadual, o que significa que as mais diversas agências do estado do Arizona, tais quais responsáveis pela segurança pública (polícia estadual), departamento de trânsito e saúde, podem adquirir produtos e serviços dentro deste mesmo contrato.

O produto

A suíte completa de identificação biométrica chama-se GBS (Griaule Biometric Suite) e, além de reconhecimento de impressões digitais, também trabalha com reconhecimento de face, íris e voz. E foi esse pacote completo que foi negociado com o estado norte-americano.

Trata-se do segundo grande negócio da Griaue nos Estados Unidos. Em setembro de 2018, ela venceu uma licitação internacional promovida pelo Departamento de Defesa daquele país. Dessa forma, ela implementou o GBS para a administração das bases de dados biométricos de 50 milhões de habitantes no Iraque e outros 30 milhões no Afeganistão.

Segurança cibersegurança B2B cybersegurança
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você