Segurança

hacker

Jovens são presos por criarem site para ensinar criminosos

Redação Olhar Digital 03/03/2011 16h23
Compartilhe com seus seguidores
A A A

O Crimebook, que tinha 8 mil membros, roubou informações de mais de 100 mil cartões de crédito e gerou um prejuízo de R$ 43,6 milhões

Três jovens britânicos que fundaram um site conhecido como "Crimebook" (http://gh0stmarket.net/), um dos maiores fóruns de crimes na internet, foram sentenciados à prisão nesta semana, de acordo com reportagem publicada no jornal Guardian.
 
A página continha tutoriais como “14 maneiras de hackear um cartão de crédito” e “como rodar cartões falsos no eBay”, além de ensinar os usuários a se manterem no anonimato. O Crimebook também vendia softwares para hackear sites e dava instruções de como fabricar metanfetamina e explosivos.

A polícia estima que o roubo das informações de mais de 100 mil cartões de crédito tenha causado o prejuízo de 16,2 milhões de libras, o equivalente a  R$ 43,6 milhões. O fórum, que contava com oito mil usuários, pode ter ajudado a invadir mais de 65 mil contas bancárias.

Nicholas Webber, o dono e fundador do site, foi preso na Inglaterra em outubro de 2009, junto com o administrador do fórum, Ryan Thomas, ao tentar pagar uma conta de mil libras, usando um cartão roubado. Na época, os garotos tinham 18 e 17 anos, respectivamente, e fugiram para a Espanha, após pagar fiança. Porém, os jovens foram presos novamente ao tentar entrar no Reino Unido, em janeiro de 2010.
 
Nesta quarta-feira (2/3), a polícia conseguiu resgatar o laptop de Webber e encontrou informações dos cartões roubados. O adolescente pegou cinco anos de cadeia, enquanto Thomas ficará quatro anos preso. O designer do site, Gary Kelly, também foi sentenciado a cinco anos de prisão.
Sites Hackers arte cibernética
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você