Malware cria rede zumbi com quase 300 mil dispositivos inteligentes

Pesquisadores de segurança da Kaspersky descobriram nesta semana um malware que afeta dispositivos inteligentes. Chamado de Hajime, o malware cria uma rede zumbi usando aparelhos como eletrodomésticos. Segundo os especialistas, já foram afetados quase 300 mil dispositivos.

Por enquanto, foram encontrados indícios do arquivo malicioso em DVRs, webcams e roteadores, mas ele pode afetar qualquer aparelho que tenha acesso à internet. Uma vez que são infectados, os dispositivos passam a fazer parte de uma botnet controlada por outra pessoa sem que o dono saiba.

A Kaspersky indica que o problema tem afetado o Irã, Vietnã e Brasil. A empresa ressaltou que essas redes geralmente são usadas para ataques DDoS e envio de spam.

Por enquanto, não se sabe qual é o propósito da rede zumbi, que continua crescendo. "A botnet está ficando cada vez maior, mas seu objetivo permanece desconhecido. Não encontramos vestígios de qualquer tipo de ataque ou atividade maliciosa", revela Konstantin Zykov, pesquisador da Kaspersky.

Como se proteger

A empresa indica que os usuários alterem suas senhas e atualizem o firmware dos dispositivos.

[Digital Trends]

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ