Após polêmica, 'Star Wars: Battlefront II' será lançado sem microtransações

"Star Wars: Battlefront II" vai ser lançado hoje, 17, mas uma das apostas da EA para o jogo vai ficar de fora do jogo - ao menos inicialmente, o jogo não terá microtransações.

Nos últimos dias, gamers de todo o mundo se revoltaram contra a EA por causa da forma como a empresa incorporou microtransações em "Battlefront II". Como resultado, a empresa decidiu repensar o uso das microtransações dentro do jogo.

Tudo começou quando a EA liberou o game antecipadamente para assinantes do serviço EA Access. Os primeiros jogadores notaram que o desbloqueio de alguns dos personagens mais amados da série não era nem um pouco simples.

Personagens como Luke Skywalker e Darth Vader só são liberados dentro do jogo com o uso de uma moeda virtual. Ela pode ser conseguida tanto jogando bastante "Battlefront II", ou então comprando a moeda virtual usando dinheiro real.

O problema é que, para ter acesso aos personagens sem uso de dinheiro real, era preciso jogar cerca de 40 horas - isso para cada personagem.

A prática é comum em jogos para smartphone e alguns outros que adotam o modelo free-to-play - o jogador pode jogar sem pagar nada, mas pode usar dinheiro para acelerar o progresso no jogo. Mas "Battlefront II" está bem longe de ser um free-to-play: o jogo custa até 80 dólares (até R$ 280 no Brasil), e mesmo assim usa uma mecânica que os jogadores consideraram que foi criada só para arrancar mais dinheiro dos consumidores.

Além disso, itens que podem ser conseguidos usando as moedas virtuais de "Battlefront II" interferem nas habilidades dos personagens. Isso fez muita gente temer que gamers dispostos a gastar bastante dinheiro dentro do jogo ganhassem vantagem em relação a outros nas partidas competitivas.

Com a repercussão negativa, a EA começou a se mexer. Inicialmente ela anunciou que cortaria em 75% a quantidade de moedas virtuais necessárias para desbloquear os personagens. Mas não foi o suficiente.

Na quinta-feira, 16, a empresa anunciou que as microtransações não farão parte do jogo em seu lançamento. Em um comunicado, o estúdio DICE, responsável pelo game, lamentou que a polêmica esteja prejudicando um "grande jogo", e por isso o modelo de microtransações será repensado antes de ser novamente adicionado ao jogo.

"Star Wars: Battlefront II" está disponível para PC, PlayStation 4 e Xbox One.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ