Games e Consoles

Google Stadia

Google Stadia recomenda internet de 25 Mbps para streaming de jogos

Beatriz Trevisan, editado por Wharrysson Lacerda 20/03/2019 17h40
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Com conexão de 25 Mbps, os jogos serão executados a 1080p a 60fps, mas pretensão do Google é chegar, já no lançamento, à resolução 4K 60fps com 30 Mbps

Como já era previsto, o Google anunciou nesta terça-feira, 19, seu projeto Stadia, plataforma de streaming de jogos de ponta executados em um navegador Chrome. Desde o anúncio, existe uma preocupação sobre as exigências de conexão para uma experiência de jogo satisfatória.


O serviço da gigante de tecnologia permite rodar games em praticamente qualquer dispositivo a partir apenas de uma conexão com a internet, sem precisar baixá-los. Na prática, é similar a uma Netflix: você envia os comandos para um servidor externo, que recebe a informação, processa no jogo, e envia a imagem via streaming para o seu dispositivo. Para ter uma experiência satisfatória, o Google está sugerindo 25 Mbps de conexão.

Durante o Project Stream, a empresa alcançou 1080p a 60 quadros por segundo com 25 Mbps; a empresa afirma que não chega a usar tudo isso para alcançar essa qualidade de imagem, mas dá essa recomendação como uma margem de segurança. “Se você tiver conexão menos potente, forneceremos uma resolução menor”, explicou. Isso quer dizer que, se sua conexão estiver abaixo do recomendado, o Stadia exibirá a imagem com uma qualidade menor, para manter a estabilidade do jogo intacta. Não se sabe qual é a conexão mínima exigida até o momento.

Em entrevista a um podcast do site Kotaku, o executivo Phil Harrison, chefe do Stadia, informou que, no lançamento, o Stadia já terá capacidade de jogos 4K com conexão de 30 Mbps. Hoje, essas propriedades só são possíveis em computadores com processador e placa de vídeo de ponta. A promessa da companhia é aprimorar ainda mais o sistema dos jogos para atingir resolução 8K e 120 fps.

Para utilizar o Stadia pela TV, será necessário, além de uma conexão suficientemente boa, usar o Chromecast junto apenas com um controle Stadia. Em outros dispositivos, como um PC, ainda será possível usar qualquer outro controle USB, o que inclui o DualShock 4 do PlayStation ou o controle do Xbox One.

Harrison garantiu que a intenção do Google é continuar investindo no avanço e manutenção a longo prazo da iniciativa de streaming de jogos, para tranquilizar o público que teme que o serviço seja abandonado como tantos outros projetos inacapados do Google. Para ele, prova dessa ambição é o fato de a empresa ter investido intensamente no Stadia e já ter anunciado que não pretende parar. “Este não é um projeto trivial feito com qualquer recurso. Esse é um esforço bastante significativo que não é apenas a minha equipe, mas também está no YouTube, em toda a nossa equipe de infraestrutura técnica e de rede. Representa milhares de pessoas que estão trabalhando nesse negócio”, afirmou.

O Google ainda não revelou o preço e a data de lançamento do Stadia. Harrison afirmou que a plataforma será disponibilizada até o final do ano para usuários nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e parte da Europa. Ainda não há previsão de chegada ao Brasil.

Os 25 mpbs de conexão recomendados podem ser um problema ainda maior fora dos grandes centros urbanos no Brasil. Confira como conseguir boas velocidades de internet, mesmo que você não more numa grande cidade:

Games Google Streaming
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você