Intera

Kinect é utilizado em salas cirúrgicas de Londrina, PR

Redação Olhar Digital 13/04/2012 08h51
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Hospital Evangélico de Londrina lança produto inédito para ambientes cirúrgicos

A diversão diante da TV, com equipamentos que 'aposentaram' o joystick utilizando apenas os movimentos do corpo, acaba de sair da sala de casa para a sala cirúrgica. O INTERA é um aplicativo desenvolvido pelo departamento de Tecnologia da Informação do Hospital Evangélico de Londrina (HE), que utiliza o Kinect para oferecer segurança, agilidade e dinamismo no acesso e movimentação de imagens radiológicas do paciente, com o médico vestido de forma estéril, sem a necessidade de tocar no equipamento.

A denominação "INTERA" sugere a interação entre homem e máquina, médico e tecnologia, instituição e paciente. A solução propõe um novo método em ambiente cirúrgico, que até o momento utilizava o negatoscópio (caixa de luz) para a leitura dos filmes de raios-X, estáticos, com a interferência dos profissionais de saúde na manipulação dos exames e na troca dos filmes, conforme a necessidade do médico durante os procedimentos. Já o INTERA permite selecionar e visualizar imagens diversas ao mesmo tempo apenas com os gestos das mãos, à distância. Também se pode ampliar, excluir, organizar as imagens e ainda assistir vídeos e exames em movimento, como no caso das arteriografias.

Segundo Cezar Martinelli, gerente da área de TI do Hospital, o INTERA é apenas o começo de uma série de aplicativos que já estão sendo desenvolvidos para facilitar o cotidiano dos profissionais de saúde, visando otimizar, dar autonomia, reduzir riscos, como infecções hospitalares ou a falta dos exames do paciente para a cirurgia, dentre outros. “O médico poderá agendar a sala e já selecionar os exames necessários, por meio do nosso sistema, deixando tudo preparado, mesmo estando fora do hospital, para garantir a segurança, a qualidade e a precisão no ato cirúrgico”, diz Martinelli.

Para Luiz Soares Koury, diretor da Associação Evangélica Beneficente de Londrina (AEBEL), mantenedora do HE, o sistema é um conceito que faz parte dos projetos de inovação do hospital. "Nos últimos 6 anos temos investido no hospital com um olhar direcionado para serviços de qualidade que ofereçam segurança para o paciente, para seus profissionais e para a instituição". O diretor explica que o novo serviço contribui para inúmeras facilidades, dentre elas, o atendimento simultâneo aos pacientes de urgência e emergência, que dependem de socorro rápido. "Não são raras as situações em que chegam pacientes graves. Nesses casos, com os resultados dos exames disponibilizados digitalmente - o que já é uma realidade nas empresas que oferecem esse serviço, de diagnóstico por imagem -, o médico pode acessar e avaliar o quadro clínico à distância, dando as orientações para o tratamento desse paciente imediatamente, sem ter que sair do ambiente cirúrgico, sem ter que tocar em nada, e ainda evitando a perda de tempo, que em situações de emergência significam vida", ressalta.

O INTERA está em teste no HE desde janeiro deste ano, e deve ser instalado em suas 12 salas ainda neste semestre. O processo da patente está em curso. Veja, abaixo, um vídeo do INTERA em funcionamento.


Medicina Kinect
Compartilhe com seus seguidores

Recomendados pra você