'Pen drive assassino' consegue destruir novo MacBook Pro e o Google Pixel

Se o seriado Mr. Robot não foi suficiente para mostrar que não é uma boa ideia conectar qualquer pen drive ao seu computador, este vídeo deve bastar. O canal do YouTube EverythingApplePro criou um "pen drive assassino" capaz de danificar instantaneamente (e permanentemente) uma série de computadores e outros aparelhos aos quais ele é conectado.

De acordo com o The Next Web, o aparelho foi feito com partes de um flash de câmera e uma pilha AA. Com isso, ele oferece uma voltagem de 300 volts quando é conectado a uma porta USB. O efeito é o mesmo de um pico de energia, e enquanto a maioria dos aparelhos está equipada para lidar com esses picos em suas portas de energia, as entradas USB não são protegidas.

Como consequência disso, o pen drive faz com que o dispositivo sofra um excesso de corrente e tenha sua parte elétrica permanentemente danificada. No vídeo abaixo, o canal testa esse aparelho em uma série de dispositivos eletrônicos, incluindo o Pixel, o novo celular do Google; o novo MacBook Pro e até mesmo um Samsung Galaxy Note7:

Vítimas

Após conectar o "pen drive assassino" a um adaptador USB-C, o canal o conecta ao novo MacBook Pro, o que resulta em morte instantânea para o notebook. Algo semelhante acontece com o Pixel. No primeiro teste, o pen drive não faz nada a ele. Quando o canal testa novamente usando o adaptador USB-C oficial fornecido pelo Google, porém, o resultado é uma carga de energia que danifica o aparelho (e ainda dá um choque no usuário).

Curiosamente, apesar de diversos casos em que ele explodia, o Galaxy Note7 é mais resisente à carga excessiva de energia que os outros dois aparelhos mencionados acima. Quando o "pen drive assassino" é conectado, ele danifica a sua porta de carregamento (que se torna incapaz de receber cargas); o resto do aparelho, no entanto, continua funcionando normalmente. Isso é o mesmo que ocorre com o iPhone 7 Plus, que o canal tentou destruir dessa maneira em outro vídeo.

Sobreviventes

Outros aparelhos testados, no entanto, conseguiram sobreviver à carga do dispositivo. É o caso, por exemplo, da GoPro 5 e dos iPhones antigos - os modelos 4, 3GS e 2G foram conectados ao aparelho através de adaptadores e não sofreram nenhum dano. No caso da GoPro, isso pode se dever ao fato de a câmera não ser equipada para receber energia pela porta USB-C; nos iPhones antigos, isso pode ter sido um problema dos adaptadores.

Quando o pen drive foi conectado ao novo iPad Pro de 9,7 polegadas da Apple, o resultado foi mais estranho: ele fez com que a tela do aparelho entrasse em um ciclo esquisito de flashes brancos. Após o pen drive ser desconectado, o iPad Pro pode ser reiniciado normalmente, e a sua porta de carregamento ainda podia ser utilizada.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ