Balão de internet do Google dá volta ao mundo em 22 dias

Caroline Rocha, editado por Renato Santino 04/04/2014 19h10
Project Loon
A A A

Em fase de testes, a ideia do Google de levar o acesso à internet para locais remotos com a ajuda de balões de gás hélio, o Project Loon, deu mais um passo rumo à concretização. O plano de equipar bexigas com antenas Wi-Fi e voar por 100 dias seguidos por todos os continentes foi testado pela equipe responsável pelo projeto durante uma volta ao mundo.

Nessa etapa, o objeto saiu da Nova Zelândia, voou sobre a América Latina e deu uma volta completa ao redor da Antártica em apenas 22 dias. Tudo isso sem nenhuma interrupção. O resultado é melhor do que o esperado: a previsão do Google era de que o trajeto fosse concluído em 33 dias.

 Confira o trajeto percorrido pelo balão:

Reprodução  

A façanha foi desenvolvida para testar a capacidade dos balões de internet e a sua reação ao vento extremo.  Os Loons são construídos com uma espécie de plástico inflável, podem suportar altas pressões e são equipados com paraquedas para controlar a altitude que atingem. Somando todos os testes já feitos, os balões voaram mais de 500 mil quilômetros.

A partir de agora, a empresa quer treinar os objetos para que utilizem as correntes de vento da estratosfera para viajar mais rápido sobre os oceanos, já que nesses locais não há ninguém para se conectar. A tarefa é complicada. Em certas épocas do ano, os ventos mudam de direção e não podem ser previstos. Pesquisadores têm utilizado dados de vento já coletados para aprimorar a previsão das trajetórias dos balões. Segundo eles, observar o comportamento dos ventos durante as quatro estações do ano é uma tarefa essencial para garantir o sucesso do projeto.


Via GigaOM
Internet Google Wi-Fi
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você