73% dos desempregados no Brasil não terão qualificação para preencher vagas

Dados fazem parte de um estudo divulgado pelo Ipea, o qual constata que 90% das vagas abertas no País pagam até três salários mínimos

Redação Olhar Digital 29/04/2011 16h59
g_emprego
A A A
Uma pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) prevê que, em 2011, 7,3 milhões de trabalhadores ficarão desempregados no Brasil e 73% deles não terão experiência e qualificação necessárias para preencher as vagas de emprego existentes.

Para o presidente do Ipea, Marcio Pochmann, se o País mantiver o ritmo atual de crescimento, essa falta de formação dos profissionais vai virar um problema. Pochman destacou que, atualmente, a mão de obra qualificada está adequada ao tipo de emprego que é oferecido no Brasil. “Mas, conforme a nossa economia vai se desenvolvendo, a demanda será mais especializada”, aponta, de acordo com entrevista divulgada na Agência Brasil.

Quanto ao perfil das vagas de emprego disponíveis hoje no País, o estudo do Ipea aponta que 90% delas pagam até três salários mínimos (o equivalente a R$ 1.635), sendo que 80% das oportunidades estão em pequenas empresas. Contudo, há uma perspectiva de que esse cenário mude, com a evolução da economia.
Carreira Empregos Oracle Lounge
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você