Anexos em Excel e PDF representaram 17% do spam em julho

Spammer mudam de tática para burlar sistemas anti-spam

Segundo o SenderBase, rede de monitoramento de tráfego de correio eletrônico da IronPort Systems, o spam em arquivos anexos nos formatos Excel e PDF representou 17% de todo o lixo eletrônico em circulação na internet no mês de julho. Mais precisamente, o spam em arquivos do Excel foi a segunda modalidade mais popular no mês de julho, perdendo apenas para o spam em imagem. A mudança é uma tentativa de fugir dos sistemas de detecção anti-spam, ainda não preparados para lidar com estes tipos de arquivos anexos. A rede SenderBase é a maior e mais precisa rede de monitoramento de de correio eletrônico, analisando mais de 25% de todo o tráfego de e-mail no mundo, em mais de 75 mil empresas participantes. Esta base de dados recebe mais de 5 bilhões de consultas diariamente, com fluxo de informações em tempo real vindo de todos os continentes, de pequenos e grandes provedores de rede. A IronPort licencia os dados da SenderBase para a comunidade de código aberto e outras instituições que participam da luta contra o spam e ameaças na web.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ