Apesar de ação do Twitter, contas nacionalistas ganham mais seguidores

O Twitter vem reunindo esforços desde meados de 2015 para combater o terrorismo na rede social, banindo contas que difundem esse conteúdo e verificando o que é postado, porém, desde 2012, contas de usuários que pregam o nacionalismo ganharam mais seguidores.

De acordo com dados publicados pela George Washington University, o Twitter estaria investindo mais em combater referências terroristas ligadas ao Estado Islâmico do que em atividades nacionalistas preconceituosas. Entre abril e agosto deste ano, 1100 contas ligadas ao terrorismo foram desativadas, sendo que o número de contas banidas que pregam outros discursos de ódio foi de 288.

Diferente das contas de terroristas, que trabalhavam basicamente para aliar seguidores, a de nacionalistas se parece mais com facções e atividades de base, mostrando autoridade e orientações. Apesar de o registrado, as contas nacionalistas, diferente das ligadas ao Estado Islâmico, não conseguiram utilizar a rede social para ganhar adeptos de suas ideologias.

Via Engadget

 

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ