Snapchat - Lu Explica

Após supostas declarações de CEO, Snapchat passa a ser boicotado

Gustavo Sumares, editado por Leonardo Pereira 18/04/2017 10h39
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Um grande número de usuários indianos está realizando um boicote ao Snapchat e compartilhando mensagens contrárias ao aplicativo nas redes sociais. O motivo para isso é a suposta declaração do CEO da empresa dona do aplicativo, Evan Spiegel, que teria dito que o Snapchat não é para pobres.


Mais especificamente, Spiegel teria chamado os indianos de pobres. Isso porque, de acordo com Anthony Pompliano, um ex-funcionário da empresa, ao ouvir a sugestão de que o aplicativo podia investir em países como Espanha e Índia, Spiegel teria dito que o Snapchat é só para ricos e que não tem interesse em se expandir em "países pobres como a Índia e a Espanha".

De acordo com a CNET, isso foi suficiente para que diversos indianos fossem a redes sociais como Instagram e Twitter reclamar do preconceito do CEO da empresa e incitar um boicote ao app. Algumas das mensagens podem ser vistas abaixo:

Sobrou até para quem não tem nada a ver

A Snap, no entanto (a empresa dona do Snapchat), respondeu às alegações de Pompliano dizendo que elas eram "ridículas". A empresa diz que Pompliano era "um funcionário descontente [que] foi demitido devido a uma performance ruim" e que "ele e seus advogados estão - para ser completamente honesto - simplesmente inventando coisas".

Isso, porém, não foi suficiente para conter o descontentamento dos indianos. Alguns deles acabaram até mesmo direcionando sua raiva ao Snapdeal, um aplicativo de compras que não tem nada a ver com o Snapchat, mas que, segundo o Economic Times da Índia, acabou sendo prejudicado nesse caso por ter o nome parecido.

Aplicativos snapchat
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você