Apple deve abandonar de vez o Touch ID nos próximos iPhones, diz analista

Se você está entre os fãs de iPhone que não gostaram da ideia de desbloquear o aparelho com o rosto em vez de usar suas impressões digitais, temos más notícias: pode ser que a biometria esteja sendo aposentada pela Apple.

Quem fez tal afirmação foi Ming-Chi Kuo, da KGI Securities, um dos principais analistas quando o assunto é Apple. Em seu relatório mais recente, ele diz que a Apple provavelmente lançará somente iPhones com Face ID em 2018, o que faria com que o iPhone 8 fosse o último a contar com Touch ID.

A Apple ainda enfrenta dificuldades com o desenvolvimento dos sensores de profundidade que possibilitam o funcionamento do Face ID, tanto que o iPhone X teve de ser criado com aquele design questionável em que a tela é interrompida por uma "franja".

Mesmo assim, o recurso é essencial na estratégia futura da companhia. Segundo Kuo, trata-se de um "ponto-chave de venda", algo que ajudará a Apple a "capitalizar a sua clara liderança em desenvolvimento e produção de sensores 3D para smartphones".

A posição, como destaca o 9to5Mac, contradiz o que o próprio analista acreditava, pois em seu relatório do mês passado Kuo dizia que a Apple tinha aumentado o foco na tecnologia de reconhecimento facial, mas ainda não tinha largado de vez a biometria. Depois, o mesmo analista falou sobre a possibilidade de o iPad ganhar um Face ID também.





RECOMENDADO PARA VOCÊ