Apple estima que seus iPhones e relógios inteligentes durem 3 anos

A Apple divulgou hoje um documento chamado 'More answers to your questions about Apple and the Environment' (algo como 'mais respostas às suas perguntas sobre a Apple e o meio-ambiente). Dentre os dados informados no documento, um é de interesse particular: a empresa estima ser de 3 anos a vida útil de seus iPhones e Apple Watches, e de 4 anos a de seus dispositivos MacOS e tvOS.

Esse dado aparece no segundo tópico do documento, que esclarece como a empresa avalia o volume de gases estufa produzidos ao longo da vida útil de seus produtos. Para responder a essa pergunta, a Apple precisa calcular quantos gases estufa são gerados pela fabricação, transporte, reciclagem e uso dos produtos - e esse último ponto é o mais interessante.

Segundo a empresa, com base em dados 'coletados e estimados' de uso diário de seus produtos, seus computadores, notebooks e Apple TVs devem durar 4 anos antes de serem desativados, enquanto que dispositivos iOS e watchOS devem durar 3 anos.

Produtos duradouros

A estimativa da empresa deve ser vista como uma maneira de calcular a produção de gases estufa de seus produtos. Por isso, e por se tratar de uma média baseada tanto em dados coletados quanto em estimativas, é possível que os aparelhos da empresa durem mais ou menos do que isso.

Conforme aponta o The Register, os números revelados pela empresa não desviam muito das expectativas dos usuários para a vida útil de produtos desse tipo. A principal exceção, no entanto, é o Apple Watch, já que ele disputa espaço no mercado tanto com outros relógios inteligentes quanto (por conta de seu preço) com relógios suiços, que geralmente são feitos para durar ao longo de toda a vida de seus usuários. 

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ