tibet

Chineses acusam governo de bloquear iTunes

Redação Olhar Digital 22/08/2008 13h50
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Internautas chineses acusam o governo do país de bloqueio ao iTunes, depois que músicas pró-Tibete chegaram ao serviço

Desde a última segunda-feira, 18, mais de 60 pessoas postaram mensagens no fórum de discussão da Apple afirmando que não conseguem fazer downloads no iTunes.

As reclamações ocorrem depois do lançamento do novo álbum da Fundação The Art of Peace, chamado "Songs for Tibet" ("Músicas para o Tibete"), uma compilação de faixas sobre os direitos daquele povo.

Analistas na China afirmam que provavelmente o governo derrubou a seção para seleção de músicas no iTunes. O país já usou métodos semelhantes para bloquear páginas de internet consideradas ofensivas politicamente.

"A possibilidade do bloqueio é alto. Eu diria que foi feito devido a questões de conteúdo", afirma Liu Bin, da empresa de consultoria BDA, depois de tentar acessar o iTunes.

A URL "parece ter sido bloqueada do lado da China", mas funciona quando acessado de fora, afirma Danny Levinson, diretor de marketing digital de uma empresa de Xangai.

A Apple reconheceu o problema na última quinta-feira, mas se negou a explicar. "Nós percebemos a situação, mas não podemos oferecer mais nenhuma informação", afirmou Yuna Huang, representante da empresa em Pequim.

Internet Comportamento Apple
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você