Confira 5 smartphones resistentes à água vendidos no Brasil

Para os chamados “heavy users” de smartphones - aqueles que não conseguem ficar longe do celular por muito tempo, seja por necessidade ou hábito - ter um aparelho resistente à água faz muita diferença. Poder utilizar seu dispositivo na piscina, sob a chuva e até durante o banho, além de não precisar mais se preocupar com pequenos acidentes domésticos, pode ser um diferencial no momento da compra de um smartphone moderno.

Dentre as opções disponíveis no mercado, é importante destacar a diferença entre um aparelho à prova de água e um que apenas oferece resistência. Quem define isso é a Comissão Internacional de Eletrotécnica (IEC), que elabora o índice IP (“Ingress Protection”, e não “Internet Protocol”).

Esse índice IP é formado por dois números: um que determina a resistência do dispositivo eletrônico a entrada de objetos sólidos (ou seja, no caso de smartphones, poeira) e outro que simboliza a capacidade do aparelho de lidar com líquido. Quando o primeiro número de IP do produto é maior do que 5, ele já oferece um bom nível de vedação à poeira.

Já para ser considerado resistente à água, o método de avaliação é um pouco mais complexo. O índice varia de 1 (resistente a gotas d’água caindo verticalmente) até 9K (protegido contra sprays de alta pressão e altas temperaturas). Para que o dispositivo seja considerado totalmente seguro para mergulho, o ideal é que seu segundo número de IP seja maior do que 7.

Também é importante destacar que nenhum aparelho pode ser mergulhado em água salgada. Mesmo os que oferecem índices mais altos de IP deixam claro em seus manuais de uso que a resistência é referente apenas a água doce. Ou seja, nada de levar seu smartphone à prova d’água para um mergulho na praia.

Além disso, tenha em mente que resistência à água não significa que o aparelho pode se relacionar bem com qualquer material líquido. Muito pelo contrário: a maioria das fabricantes alerta para que o usuário não deixe seu produto entrar em contato com compostos químicos ou mesmo outros tipos de substâncias líquidas que não sejam água.

Confira abaixo uma lista com alguns dos melhores modelos de smartphones disponíveis no mercado que oferecem algum nível de resistência à água.

Sony Xperia M4 Aqua

Reprodução

A Sony possui uma extensa linha de smartphones que se saem bem debaixo d’água, mesmo que tenha alertado aos consumidores que não mergulhem seus aparelhos. De qualquer modo, o M4 Aqua é um dos melhores celulares da marca, oferecendo configurações de qualidade e certificado IP68 - ou seja, vedado contra poeira e resistente a mergulhos de até 1,5 metro por 30 minutos (pelo menos em teoria).

Mesmo com um chassi reforçado contra a entrada de água, o aparelho tem apenas 7,3 milímetros de espessura. A tela é de 5 polegadas, o processador é um Snapdragon 615 quad-core de 1.5 GHz da Qualcomm, o sistema rodado é Android Lollipop, a memória RAM é de 2 GB e o hardware possui espaço para até 16 GB de armazenamento.

Completam o pacote uma câmera traseira de 13MP e uma frontal de 5MP. No Brasil, a Sony oferece o modelo com um preço sugerido de R$ 1.300.

Samsung Galaxy S5

Reprodução 

A Samsung também oferece opções de custo intermediário para quem procura um smartphone resistente para mergulhos. O Galaxy S5, assim como suas variações (Mini e Duos) possuem certificado IP67, o que significa que o aparelho não só aguenta exposição à poeira como pode chegar a até 1 metro de profundidade sob a água, por até 30 minutos.

Com 8,1 milímetros de espessura, o smartphone tem tela de 5,1 polegadas, Android 5.0, processador Snapdragon 801 de 2.5GHz, 2GB de RAM e até 32GB de armazenamento. A câmera traseira é de 16MP enquanto a frontal tem sensor de 2MP. A Samsung oferece um preço de R$ 2.000 para a versão original do S5, mas é possível encontrar o mesmo modelo por até R$ 900.

Sony Xperia Z3

Reprodução

Lançada no ano passado, a família Z3 da Sony também oferece um bom nível de resistência para uso sob o chuveiro. Assim como outros aparelhos da marca, a linha Z3 (que inclui ainda o modelo Compact e Dual) tem o certificado IP68 que, assim como no caso do M4 Aqua, funciona bem em mergulhos de até 1,5 metro por, no máximo, meia hora.

As configurações não deixam a desejar. O modelo padrão tem apenas 7,3 milímetros de espessura, tela de 5,2 polegadas, 3GB de memória RAM e até 32GB de armazenamento. O processador é um Snapdragon 801 de 2.5GHz rodando a mais recente versão do sistema operacional Android. Câmeras: 20.7MP na principal e 2.2MP na frontal. O modelo Compact está disponível no Brasil a partir de R$ 1.300.

Moto G (3ª geração)

Reprodução

Como a própria Motorola faz questão de deixar claro, a nova versão do popular Moto G não é exatamente à prova de água, mas dá conta de algumas gotas sobre a tela. O certificado IPX7 garante bom funcionamento até 1 metro de profundidade por apenas 30 minutos. A fabricante, porém, não recomenda o mergulho do aparelho.

Assim como os outros modelos da linha Moto G, o da terceira geração possui 11,6 milímetros de espessura (0,6 a mais do que o antecessor, provavelmente por conta da resistência à água). Além disso, o celular é também 6 gramas mais pesado.

Sob a tela de 5 polegadas está um processador Snapdragon 410 de 1.4GHz, 2GB de RAM e até 16GB de armazenamento. O sistema operacional atualizado (Android 5.1 Lollipop quase puro) e as câmeras de 13MP (traseira) e 5MP (frontal) preenchem o preço sugerido de R$ 900 no Brasil.

Sony Xperia M2 Aqua

Reprodução

Para fechar a lista, um modelo compacto, mais barato e de boa configuração da Sony. Contraponto ao primeiro da lista, o Xperia M2 Aqua tem o mesmo certificado IP68 (mergulhos de até 1,5 metro por 30 minutos) com humildes 4,8 polegadas de tela, além de 8,6 milímetros de espessura.

O processador Snapdragon 400, um quad-core de 1.2GHz, roda a versão mais recente do sistema Android, complementando 1GB de RAM e 8GB de armazenamento. A câmera traseira é de 8MP enquanto a frontal possui qualidade VGA e registra imagens de 480p. Nitidamente mais modesto, este smartphone sai no Brasil por um preço sugerido de R$ 950, mas é possível encontrá-lo em lojas online custando até R$ 840.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ