Depois de campanha, Tinder cria seção que incentiva o uso de preservativos

Preocupado com as associações entre a popularização de seu aplicativo e o aumento no número pacientes que contraíram doenças sexualmente transmissíveis, o Tinder criou uma nova seção em seu site, incentivando a utilização de preservativos durante os encontros sexuais.

"As pessoas devem usar a proteção adequada. Os preservativos podem reduzir significativamente o risco de contrair ou transmitir uma DST, como o HIV. Para ser eficaz, no entanto, qualquer medida de proteção deve ser utilizado de forma consistente", afirma a página.

A seção também sugere que os usuários sejam honestos com seus parceiros e até sugere que, em caso de dúvidas, os usuários realizem alguns testes para verificar se possuem alguma DST. Uma ferramenta incorporada no site mostra até o posto de testes mais próximo do usuário.

Reprodução

Recentemente, a AIDS Healthcare Foundation iniciou uma campanha que ligava diretamente os apps de paquera e as doenças sexualmente transmissíveis. A fundação instalou uma série de outdoors que faziam a conexão direta entre as marcas e as doenças. "Não somos contra esses aplicativos - não estamos tentando tirá-los do ar”, ressaltou o executivo. “Mas a realidade da questão é que existe uma conexão entre esses sites de paquera e um aumento que temos visto nos casos de DST", afirmou a AHF, na ocasião.

Via Engadget 

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ