Empresa vai produzir armaduras de teia de aranha geneticamente modificadas

O exército dos Estados Unidos fechou recentemente um acordo com uma empresa para desenvolver uma armadura corporal geneticamente modificada. A roupa é feita de "teia" de aranha e, de acordo com a empresa vencedora do contrato, é cinco vezes mais forte do que o aço, impermeável, graças às proteínas contidas nela que funcionam como 'super cordas' de elástico, e pode ser esticada em até 40% sem quebrar.

O grande problema do material é que ele é difícil de produzir. Os aracnídeos são canibais e difíceis de controlar, o que torna a produção do material nas chamadas "fazendas" algo impossível. Os pesquisadores da empresa então decidiram inserir o DNA das aranhas em outros animais, produzindo um material semelhante ao das teias.

"Vamos fornecer uma série de modelos com diferentes espessuras e técnicas de construção e as iremos testar com as especificações de desempenho de material padrão", explica a companhia.

Apesar de não ser o material mais forte conhecido pelo homem, a teia é bastante flexível, permitindo uma ampla gama de movimentos e possibilitando a construção de uma roupa de corpo inteiro.

Via Gizmodo

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ