Data Saver

Extensão do Chrome que economiza dados móveis passa a ser exclusiva do Android

Redação Olhar Digital 24/04/2019 20h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Data Saver é atualizado com melhorias de desempenho e mais recursos, mas perde sua versão para desktop

O Economizador de Dados, ou Data Saver, é uma extensão oficial do Google para o Chrome e que reduz significativamente o tamanho das páginas da web quando navegamos pela internet. E para melhorar o desempenho da ferramenta, o Google incluiu tantos novos recursos que decidiu relançá-la como “Lite Mode”, ou “Modo Ligeiro”. A má notícia é que, agora, ela só estará disponível para Android.


Essa extensão está presente há muitos anos no navegador, além de aparecer como uma funcionalidade integrada no Chrome para Android. Ela é ótima para poupar dados móveis, caso você tenha uma conexão limitada ou um plano de dados sem tantos megas. Mas o plug-in também é bastante útil em casos de velocidade lenta da rede. O Google explica que, desde a introdução do Data Saver, a companhia conseguiu reduzir o consumo de dados dos usuários em até 60%.

Com essa atualização, a ferramenta oferecerá muitos benefícios para além da poupança de rede móvel. O novo “Lite Mode” do Chrome para Android ajuda a carregar as páginas muito mais rápido e também reduz drasticamente o consumo de memória do aparelho.

O novo modo poderá prever, por exemplo, se uma página vai demorar mais de 5 segundos para carregar. Nestes casos, ele efetuará automaticamente a transição para a versão “ligeira” do site – ou seja, a versão que utiliza os servidores do Google para comprimir o endereço antes que ele seja carregado.

O Google não explicou o motivo, mas o “Lite Mode” terá funcionamento exclusivo para Android. A morte do Economizador de Dados para a versão desktop será decretada assim que a edição 74 do Chrome chegar – que, aliás, foi anunciada nessa terça-feira, 23.

Até o momento desta publicação, pelo menos, a extensão ainda podia ser baixada na Chrome Web Store. É de se estranhar, porém, que o Google queira se desfazer de algo que foi atualizado no mês passado.

Fonte: Genbeta

Navegadores Economia internet móvel google chrome
Compartilhe com seus seguidores

Recomendados pra você