Facebook pode deixar adolescentes mais estressados, diz pesquisa

Pesquisadores da Universidade de Montreal descobriram que o uso do Facebook pode afetar negativamente usuários adolescentes, aumentando seu nível de estresse. De acordo com o estudo, ter mais de 300 amigos na rede social pode elevar as taxas de cortisol, hormônio do estresse, no corpo.

Para comprovar a teste, eles testaram 88 jovens com idades entre 12 e 17 anos. Na primeira parte da experiência, eles foram questionados sobre o número de vezes que visitavam o site, o número de amigos que possuíam, como eles se promoviam na rede e como apoiavam seus amigos. Depois, eles coletaram, durante 3 dias, amostras de cortisol dos adolescentes, 4 vezes por dia.

Os resultados mostram que os adolescentes que possuíam mais de 300 amigos mostraram níveis consistentemente maiores do hormônio do que os que tinham menos de 300 amigos no Facebook."Enquanto outros importantes fatores externos também são responsáveis pelo estresse, estima-se que o efeito isolado do Facebook sobre o cortisol corresponda a 8%", conta Sonia Lupien, a principal autora do estudo.

Lupien ressalta, no entanto, que áreas como a escola, a família, a amizade e os relacionamentos também podem contribuir para que o adolescente fique mais estressado.

Via Huffington Post

 

 

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ