Facebook

Facebook compartilha segredos dos seus servidores e data center

Redação Olhar Digital 07/04/2011 18h00
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Rede social cria equipamentos até 38% mais eficientes e 24% mais baratos e está disposta a oferecê-los a qualquer empresa do setor

Desde que o modelo de cloud computing (computação em nuvem) começou a ganhar força no mercado, os grandes fornecedores do setor – como Google e Amazon – guardam em segredo as informações sobre como funcionam os ambientes onde as informações são processadas. Contudo, o Facebook fugiu à regra ao divulgar, nesta quinta-feira (7/4), que está disposto a compartilhar o design de seu novo data center, na cidade de Oregon (Estados Unidos), com outras empresas.

De acordo com notícia divulgada pelo The New York Times, o vice-presidente de operação técnica do Facebook, Jonathan Heilinger, defendeu que a empresa está disposta a quebrar esse paradigma de que os data centers são ambientes super secretos. “Está na hora de parar de tratar os data centers como clubes da luta”, apontou Heilinger.

Ele relatou que o novo data center, que deve ser inaugurado neste mês (abril), conta com servidores desenvolvidos por uma equipe do próprio Facebook e que são 38% mais eficientes e 24% mais baratos que os oferecidos pela maior parte dos fabricantes. Além disso, conta com um ambiente totalmente refrigerado por ar, o que economiza energia e contribui com o meio ambiente.

Ao construir seus próprios servidores e data centers, o Facebook está seguindo os passos do Google, que desenhou boa parte da sua infraestrutura. No entanto, as semelhanças entre os dois param por aí, já que a gigante de buscas mantém total segredo sobre os seus ambientes, enquanto a rede social defende o que eles batizaram de Open Compute Project (Projeto de Hardware Aberto), tornando o design dos equipamentos e do ambiente de data center disponível para qualquer um na indústria.

“Nós não somos os únicos que necessitam desse tipo de hardware que estamos construindo”, pontuou Mark Zuckerberg, co-fundador e CEO do Facebook. Ele disse que ao compartilhar o modelo com a indústria, a rede social pode sair beneficiada, uma vez que o custo para adequar os servidores tende a cair.

Empresas como a Zynga disseram que estão considerando usar a tecnologia desenvolvida pelo Facebook.

Se o Facebook está sendo elogiado por sua postura democrática em relação ao mercado, a companhia tem sido criticada por alguns ambientalistas, que questionam a escolha do local de instalação do novo data center, já que a maior parte da energia fornecida na cidade é obtida pela queima de carvão.

A rede social está construindo também um novo data center na Carolina do Norte (Estados Unidos), abastecido fortemente por termoelétricas e energia nuclear. 
Google Data center Facebook Cloud computing
Compartilhe com seus seguidores

Recomendados pra você