Filmes da Netflix não podem mais concorrer a um conceituado prêmio de cinema

Produções originais da Netflix não vão mais poder concorrer a um dos mais prestigiados festivais de cinema do mundo: o festival de Cannes não vai mais considerar filmes da Netflix em sua premiação.

De acordo com o The Hollywood Reporter, o Festival de Cannes só aceita filmes que passam em salas de cinema. E como a Netflix não distribui suas produções para os cinemas, elas não podem mais concorrer ao prêmio.

Filmes produzidos pela Netflix sempre estreiam primeiro na plataforma de streaming, embora em alguns casos a empresa também distribua produções para algumas salas de cinema simultaneamente.

No ano passado, duas produções da Netflix chegaram a ser indicadas ao prêmio: "Okja" e "Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe". Após protestos de cineastas franceses contra a Netflix, a empresa tentou exibir os filmes em salas de cinema por ao menos uma semana, mas acabou não conseguindo permissão para isso.

A partir de agora, filmes da Netflix não vão mais ser considerados na hora de definir candidatos ao prêmio. "O pessoal da Netflix adorou o tapete vermelho e adoraria estar presente com outros filmes. Mas eles entendem que a intransigência do modelo deles é agora oposta ao nosso," explicou Theirry Freumax, um dos organizadores do festival.

Os filmes da Netflix ainda podem ser exibidos durante o festival, mas não podem mais concorrer à Palma de Ouro, o prêmio de Cannes que é um dos mais prestigiados do mundo do cinema.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ