Criadores do formato MP3 trabalham em um smartphone com quatro câmeras

Apple e LG já trabalham há algum tempo com smartphones de câmeras duplas, em que dois sensores fazem o trabalho de registrar a mesma imagem para reproduzir fotos melhores. Agora, o instituto que criou o formato MP3 de arquivos de áudio está trabalhando no futuro disso: câmeras quádruplas.

O protótipo criado pela Fundação Fraunhofer, na Alemanha, usa quatro sensores para fazer o trabalho de uma só câmera. Ao contrário dos celulares mais comuns de hoje, o módulo fica dentro do smartphone e só sai no momento em que a foto será tirada.

Um conjunto de pequenos espelhos no módulo também permite que ele seja usado, simultaneamente, como câmera frontal e traseira. Uma foto registrada com esse protótipo tem 20 megapixels de resolução, além de contar com foco automático e estabilização óptica - recursos dignos de um celular top de linha.

Contudo, o projeto ainda está em fase de desenvolvimento e bem longe de chegar ao mercado. O obstáculo mais óbvio tem a ver com design e engenharia: para que uma fabricante insira essa câmera quádrupla em um smartphone, o aparelho precisa ser um pouco maior em termos de espessura.

Além disso, um celular de quatro câmeras naturalmente gasta muito mais bateria, o que obrigaria as fabricantes a investir em unidades de energia maiores - o que, por sua vez, tornaria o produto final ainda mais exagerado em design e dimensões. De qualquer forma, trata-se de uma interessante prova de conceito para um mercado sempre ávido por novidades.

Via PC World

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ