Garoto de 13 anos cria dispositivo que pode substituir bafômetro

Krishna Reddy , um jovem de 13 anos, do Texas,  nos Estados Unidos, criou um dispositivo que pode detectar se um motorista consumiu álcool ou outras drogas com base na dilatação de sua pupila.

Os dispositivos utilizados hoje em dia, popularmente conhecidos como bafômetros, medem o teor de álcool em uma amostra de ar, mas só conseguem detectar a presença dessa substância, sendo incapazes de encontrar vestígio de outras drogas. Outro problema dos bafômetros é o fato de eles precisarem do consentimento do motorista para serem usados.

Reprodução

Como funciona?
O aparelho criado pelo jovem é extremamente simples e usa uma câmera digital, uma lanterna e um rolo de papel higiênico. A lanterna é direcionada ao olho da pessoa e o rolo de papel direciona a luz sobre a pupila. Em seguida, a câmera grava como o olho se contrai. Usando um programa escrito pelo próprio jovem, o dispositivo mede a constrição da pupila.

Se alguém beber, fumar maconha ou utilizar soníferos, anfetaminas ou analgésicos fortes, o reflexo de contração da pupila (que acontece em uma escala de milímetros e milissegundos) é detectado com mais precisão do que a olho nu.

O objetivo é ajudar a detectar quando os reflexos do motorista estão prejudicados e reduzir o número de acidentes causados pela falta de atenção do motorista.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ