Google assume criação de protótipo nunca lançado do comunicador de Star Trek

Uma reportagem feita pela Time divulgou hoje, 23, que uma das criações do Google que acabaram não indo para frente foi um protótipo do icônico comunicador da série Star Trek, voltado para pesquisas de voz.

O vice-presidente senior do Google, Amit Singhal, contou à revista que sempre quis aquele aparelho: "Você simplesmente pergunta alguma coisa para ele e ele funciona". Ele afirmou que esse desejo pessoal foi o que fez com que eles pensassem "Vamos fazer o protótipo e ver como ele fica".

Apesar de no Star Trek ele ser usado para que James Kirk e seus comandados conseguissem se comunicar uns com os outros e com computadores, a versão criada pelo Google serviria para fazer pesquisas por meio de voz. 

Os usuários ativariam o dispositivo ao tocar na sua parte da frente e as perguntas feitas seriam encaminhadas para o smartphone via Bluetooth. As respostas seriam ditas ao usuário em voz alta através do aparelho.

As razões pelas quais o comunicador não foi para frente são porque ele não era discreto e nem tão útil assim. O Google chegou à conclusão de que é mais simples pesquisar no smartphone e ver a resposta na tela do que anunciá-la para todas as pessoas que estivessem ao seu redor com o dispositivo.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ