Google confirma união dos seus dois serviços de streaming de música

O Google tinha dois serviços de assinatura de música via streaming, mas agora terá só um. A empresa confirmou que vai unificar o Google Play Música e o YouTube Red, lançado há alguns anos mas nunca levado para muitos países além dos EUA.

A intenção da unificação das ofertas surgiu em fevereiro, quando o Google juntou as equipes responsáveis por cada um dos serviços para "oferecer o melhor produto possível". Agora a fusão foi confirmada por Lyor Cohen, chefe da divisão de música dentro do YouTube, durante um evento em Nova York.

O YouTube Red foi lançado em 2015 como uma versão sem anúncios do serviço de vídeos do Google. Um dos grandes atrativos dele era o app YouTube Music, que reproduzia vídeos em segundo plano no Android e no iOS - ou seja, não era preciso ficar com o app sempre aberto para ouvir uma música, por exemplo. Ele nunca foi disponibilizado no Brasil, só sendo ofertado para usuários dos EUA, Austrália, Coreia do Sul, México e Nova Zelândia.

O Google Play Música é mais parecido com serviços convencionais - em vez de vídeos do YouTube, ele reproduz arquivos musicais na nuvem ou no dispositivo -, mas na prática os serviços já eram praticamente um, considerando que assinantes de um ganhavam acesso ao outro.

Ao The Verge, o Google confirmou novamente a intenção de unificar os serviços, mas não deu um prazo para quando isso deve se concretizar. "Música é muito importante para o Google e estamos avaliando como unificar nossas ofertas musicais para fornecer o melhor produto possível para nossos usuários, parceiros musicais e artistas."

Resta saber como vai ser feita essa fusão dos serviços, e se os recursos do YouTube Red vão ser migrados para o Google Play Música.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ