Google libera 1ª versão do Android P; saiba como baixar

O Google liberou hoje a prévia para desenvolvedores do Android P, a próxima versão de seus sistema operacional para celulares. A liberação aconteceu poucos dias após o jornalista Evan Blass anunciar que a empresa deveria liberá-la no meio de março, e segue a tradição do Google de liberar a primeira versão dos novos Androids no terceiro mês do ano. 

Uma das mudanças mais notáveis que essa primeira versão do Android P traz é o suporte para "franjas" na parte frontal da tela dos smartphones. Essa mudança é importante para que aplicativos funcionem bem em celulares Android que copiam o design do iPhone X, como o Zenfone 5. Fora isso, o menu de configurações rápidas do Android também aparece com cara nova, e a barra de notificações ganhou cantos arredondados. 

Fora isso, os aplicativos de mensagem, como o WhatsApp, também poderão mostrár diversas das últimas mensagens enviadas diretamente nas notificações sem a necessidade de expandir a notificação. Como seria de se esperar de uma prévia para desenvolvedores, a maioria das novidades dessa versão é voltada para quem cria apps para o sistema operacional.

Elas incluem uma API específica para câmeras duplas, suporte a mais codecs de vídeo e imagem e a restrição de acesso a câmera e microfone para apps rodando em segundo plano. Mais detalhes sobre a novidade podem ser lidos diretamente no site por meio do qual o Google divulgou a nova versão do sistema operacional. 

Como obter

Por tratar-se de uma versão muito antecipada do novo sistema, o Android P só está disponível por enquanto para os celulares Pixel, Pixel XL, Pixel 2 e Pixel 2 XL. A instalação precisa ser feita manualmente a partir de um link de download específico para cada um dos dispositivos. Os links podem ser vistos nesta página.

Como o The Verge nota, a nova versão do sistema operacional deve ser bem instável. Por esse motivo, não é recomendável instalar essa versão no celular que você costuma usar no dia-a-dia, pois ela pode ter bugs bem graves. O Google parece estar especialmente ciente dessa situação, pois dessa vez sequer liberou uma atualização via Wi-Fi para a prévia para desenvolvedores do novo Android.

Segundo o site, o Google deve liberar uma versão beta (e mais estável) do Android P por volta de maio. Mas infelizmente, a chance de que o seu atual celular Android receba essa nova versão é bem pequena - por enquanto, apenas cerca de 1% dos dispositivos Android do mundo têm o Android Oreo (a versão mais recente), e uma boa parte deles roda versões do Android com mais de três anos de idade. 

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ