Google pode ignorar senhas e acessar aparelhos com Android remotamente

O Google tem o poder de invadir qualquer dispositivo que use versões mais antigas do Android, de acordo com um documento judicial repercutido pelo The Next Web.

O documento examina qual o impacto da criptografia completa de disco diante da lei de acesso a informações dos Estados Unidos e uma de suas revelações é que o Google consegue ignorar as senhas dos usuários nos aparelhos rodando até o Android 5.0, caso seja obrigado pela Justiça.

“Esse processo pode ser feito pelo Google remotamente e permite que investigadores forenses vejam os conteúdos de um dispositivo”, diz o texto.

Isso é possível porque esses aparelhos não vêm com criptografia completa de disco. E mesmo em modelos mais novos, que possuem essa opção, geralmente ela vem desativada de fábrica.

Números do próprio Google informam que 74,1% dos dispositivos com Android em funcionamento pelo mundo usam versões abaixo da 5.0, o que significa um oceano de gente vulnerável à espionagem governamental.

O mesmo documento também analisa os iPhones, cujos usuários estão mais seguros. Smartphones a partir do iOS 8 são impossíveis de serem acessados pela Apple, e em todos a criptografia completa de disco vem ativada por padrão.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ