Google prepara modo que permitirá rodar Windows em notebooks com Chrome OS

O Google produz um notebook chamado Pixelbook. Ele especificações técnicas de ponta, mas roda um sistema operacional que limita um pouco seu potencial: o Chrome OS. Agora, aparentemente, a empresa está desenvolvendo uma maneira do Pixelbook rodar outras plataformas, incluindo o Windows.

De acordo com o Android Police, referências a um modo "AltOS" foram encontrados nos códigos do Chrome OS no Pixelbook, e há menções específicas ao Windows nesses códigos. O modo permitiria ao notebook executar um sistema diferente do Chrome OS, dando a opção inclusive do usuário escolher se prefere iniciar a máquina no Windows ou no sistema padrão dela.

As referências foram encontradas por um usuário do Reddit, que fez questão de diminuir as expectativas dos entusiastas do Pixelbook. "As evidências são fracas, então estamos em um estágio especulativo do que o AltOS pode significar", escreveu.

O Pixelbook foi lançado em outubro de 2017. Além do sistema operacional Chrome OS, ele conta também com tela de 12,3 polegadas na proporção 3:2, suporte à caneta stylus Pixelbook Pen e integração com o Google Assistente.

Por dentro, ele usa um processador Intel Core i5 de sétima geração, 8 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento interno. Lá fora, o Pixelbook foi lançado por US$ 1 mil.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ