dna

IBM testa DNA artificial em seus novos chips

Redação Olhar Digital 17/08/2009 12h08
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Estudo deverá tornar a fabricação de processadores mais barata

Na briga por chips cada vez menores e mais baratos, a IBM pesquisa a construção de processadores com estruturas semelhantes às de nosso corpo. Nanoestruturas artificiais de DNA, chamadas de "DNA origami", devem promover economia na linha de produção da empresa, assim como a sua miniaturização. 

"Esta é a primeira demonstração do uso de moléculas biológicas ajudando a indústria de semicondutores", disse Spike Narayan, chefe de pesquisas da IBM, em entrevista para a Reuters.

"Basicamente, esse experimento nos mostra que estruturas biológicas, como o DNA, oferecem padrões repetitivos e que se reproduzem. E nós podemos aproveitar essas características no processo de fabricação de semicondutores".

No momento, quanto menor for o chip, mais caro é o equipamento. Narayan disse que se o DNA origami cair em escala de produção, o processo se tornará muito mais barato, em uma escala de até 100 para 1.

Mas não vá se animando: a pesquisa ainda deve durar cerca de 10 anos até chegar, efetivamente, a linhas de produção.

Nanotecnologia Processadores
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você