Inteligência artificial cria trilha sonora livre de direitos autorais

Uma empresa de Nova York desenvolveu um sistema de inteligência artificial capaz de compor músicas originais. Chamado "Amper", o sistema foi criado por Drew Silverstein, Sam Estes e Michael Hobe, três compositores de trilhas de jogos, filmes e programas de TV.

Reprodução

Silverstein explica que o Amper foi criado para trabalhar em conjunto com os seres humanos. Através de uma interface simples, fácil de ser entendida até por quem não conhece nada sobre composição, primeiro é preciso escolher o gênero, o estilo e definir o tempo de duração da composição.

Reprodução

"O sistema não vai substituir os compositores humanos, mas deve ajudar a criar a próxima geração da música", explica Silverstein, ressaltando que a trilha não tem nenhum tipo de restrição de direitos autorais.

É possível testar o Amper aqui.

Via The Next Web

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ