Internet dos quarentões: internautas com mais de 40 anos são maioria no Brasil

Os jovens não são mais maioria na internet brasileira. Segundo a PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), divulgada pelo IBGE nesta sexta-feira, 25, os brasileiros maiores de 40 anos ultrapassaram os jovens, com idade entre 15 e 24 anos, em 2015 e passaram a formar um grupo maior de internautas.

Enquanto os jovens somam 26,9 milhões de internautas, aqueles com mais de 40 chegam a 30,3 milhões. As pessoas com idade entre 40 e 49 anos conectadas à internet somaram 15,5 milhões, registrando uma alta de 13,9% em relação a 2014. Já os usuários com mais de 50 anos somam 14,8 milhões de pessoas, com um aumento de 20,1% maior.

A faixa etária de 30 a 39 anos formam um contingente de 22,1 milhões de internautas, seguido por aqueles com idade entre 10 e 14 anos (10,9 milhões). Isso tudo resultou em um total de 102,1 milhões de brasileiros com acesso à internet, sendo que o número de internautas cresceu 7,1%.

Além disso, pela primeira vez, o número de domicílios com computadores conectados à internet caiu. Embora o total de moradores com acesso à Internet tenha aumentado, a redução na quantidade de computadores foi de 3,4%, quando comparado com o ano anterior.

As mudanças no perfil do internauta brasileiro não são surpresas. No caso da idade, além de o Brasil estar passando por um envelhecimento populacional, a internet já é difundida entre jovens de uma forma geral, sendo que a adesão tende a ser maior entre a população com idade superior a 30 anos.

Já os computadores estão sendo substituídos pelos smartphones. Segundo a pesquisa, em 2015, 139,1 milhões de pessoas de 10 anos ou mais de idade tinham um telefone celular para uso pessoal, o que representa um incremento de 2,5 milhões de pessoas com celular.





RECOMENDADO PARA VOCÊ