Inventor do celular considera o novo iPhone "simplesmente chato"

Martin Cooper, o homem que inventou o celular, afirmou nesta quarta-feira, 30, que acha o iPhone 6S chato. Em entrevista ao GeekWire, o senhor de 86 anos declarou que considera o novo smartphone da Apple "simplesmente chato"."Eles estão lutando para trazer algo interessante a cada geração. Ele é um pouco maior, tem mais pixels, mais megahertz, mas não há mudanças essenciais. Acho que o futuro é o software", opina.

Cooper trabalhou como chefe da divisão de telefonia da Motorola e, em 1973, apresentou sua invenção nos Estados Unidos, realizando uma ligação da calçada de Manhattan. O primeiro celular pesava quase 1 kg e era gigante, mas revolucionou o mercado quando chegou ao consumidor, 10 anos depois, por cerca de US$ 4 mil.

Falando da indústria de smartphones no geral, Cooper fez críticas ao modelo usado pelas fabricantes. "Não é uma conquista tecnológica colocar um monte de coisas em uma caixa. O celular tenta fazer todas as coisas para as pessoas, mas não faz nenhuma delas de maneira otimizada. Não há muitos serviços essenciais num smartphone, do tipo que não se pode viver sem", declarou Cooper.

Mas se os smartphones não chamam a atenção do inventor, a tecnologia de realidade virtual parece bem promissora para ele. "É o nascimento de uma nova indústria", aposta .

 

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ