Itaú anuncia serviço de compartilhamento de carros elétricos

Em fevereiro de 2021 começam os testes entre os funcionários do banco em SP; serviço será disponibilizado a todos os paulistanos no 2º semestre e, posteriormente, a demais capitais

Fabiana Rolfini 13/11/2020 12h15
vec Itaú
A A A

Depois do sucesso das bicicletas compartilhadas, o Itaú Unibanco vai investir em um serviço de veículos elétricos compartilhados, o vec Itaú. O projeto foi anunciado na quinta-feira (12) e começa com uma versão piloto em fevereiro de 2021 entre os funcionários do banco em São Paulo. 


Serão disponibilizados cinco ou seis carros elétricos, que poderão circular entre os edifícios do Itaú na cidade. A princípio, o vec Itaú contará com veículos de três montadoras: BMW (com o modelo i3), Jaguar (I-Pace) e Jac (iEV40).

A fase de testes deve durar todo o primeiro semestre do próximo ano. Serão quatro estações em polos administrativos do banco onde os funcionários poderão experimentar o serviço. Será permitido o deslocamento entre um edifício e outro, onde haverá espaços reservados para o estacionamento e carregamento elétrico dos carros.

Reprodução

Primeiros testes do serviço serão feitos com funcionários do Itaú. Imagem: Divulgação

Em uma segunda etapa dos testes operacionais, serão convidados outros usuários para experimentarem o serviço. A expectativa é de disponibilizar o vec Itaú a todos os paulistanos – clientes ou não do banco – no segundo semestre em alguns pontos de São Paulo

Futuramente, o serviço deve chegar a outras capitais, preferencialmente para aquelas que já possuem o Bike Itaú, como Rio de Janeiro, Porto Alegre, Fortaleza e Salvador.

Desenvolvimento do vec Itaú

Mais detalhes como onde serão localizadas as estações – com estacionamentos e tomadas para a recarga dos veículos –, valores, entre outros, serão definidos a partir dos resultados obtidos na fase de testes.

O que já foi definido é que o serviço a ser oferecido será o one way, ou seja, o usuário é livre para devolver o veículo em outra estação ou na mesma onde pegou o carro. Também foi estipulado que o carro elétrico será desbloqueado por meio de um aplicativo, pelo qual será possível fazer todas as etapas do aluguel do veículo.

Reprodução

Novo serviço deve ser integrado ao sistema Bike Itaú. Imagem: Divulgação

O aplicativo estará disponível para smartphones com sistemas iOS e Android e qualquer pessoa poderá usar o serviço. O desenvolvimento do app, assim como o carregamento das baterias e higienização dos veículos serão feitos em parceria com a startup de mobilidade corporativa Ucorp.

Sobre o pagamento, deve ser adotado um modelo de taxa fixa mais um extra por tempo rodado. "O valor será compatível com o que é oferecido no mundo, mas com uma adaptação para o Brasil”, adiantou Luciana Nicola, superintendente de relações institucionais, sustentabilidade e empreendedorismo do Itaú Unibanco.

Ainda segundo a executiva, quando o serviço estiver disponível ele chegará integrado ao sistema Bike Itaú. Ou seja, o usuário poderá sair da bicicleta e usar um vec Itaú em seguida.

Via: MobileTime / Infomoney

 
carros elétricos Itaú aplicativo compartilhamento
Assinar newsletter
Assine nossas newsletters e receba conteúdos em primeira mão
enviando dados - aguarde...
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!.

Recomendados pra você