Japão criou robôs jogadores de vôlei para melhorar desempenho de atletas

Caroline Rocha 14/04/2017 10h12
Vôlei
A A A

Além de realizar tarefas perigosas, que exigem mais do que a força humana ou que possam ser realizadas por máquinas, os robôs podem ajudar em outro tipo de atividade: aperfeiçoamento de habilidades de um time esportivo. Essa é a ideia da seleção feminina de vôlei do Japão. A equipe está usando máquinas, projetadas por engenheiros e pesquisadores da Universidade de Tsukuba, que imitam as ações de bloqueadores - os jogadores que impedem, ao levantar os braços contra a rede, que o ponto seja realizado no jogo.

A "máquina de bloqueio" conta com três pares de braços robóticos que se movem da esquerda para a direita em uma velocidade um pouco maior do que um jogador humano faria, o que é bom para treinar as atletas.
Se preferir, o treinador da equipe pode programar a máquina com táticas ou estilos específicos de adversários. Veja como funciona:

[DigitalTrends]

Robótica Esportes Robôs
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você